Imagem: André Gomes/DF Sports+

Ceilândia x Gama: alviverde pega mais um dos últimos na tabela

Dois grandes campeões do Distrito Federal serão postos frente a frente neste sábado (8). Às 15h30, a bola rola para Ceilândia x Gama, em duelo válido pela quarta rodada do Candangão 2020.

Para o vice-líder Gama, trata-se de mais um duelo contra um adversário situado na ponta de baixo da tabela. O Ceilândia não vive bom momento e é apenas o décimo colocado, uma posição acima da zona de rebaixamento.

Ceilândia

Na rodada do meio de semana, o Ceilândia folgou em razão de o adversário, Brasiliense, ter jogado pela Copa do Brasil. Mas a semana que era para ser de calmaria, ficou movimentada por conta da mudança no comando da equipe.

O técnico Marcelo Conte deixou o Gato Preto após duas rodadas. Quem assume o comando é Gauchinho, ex-Real Brasília, Paracatu, entre outros. O clube deve receber novos reforços, mas eles ainda não aparecerão no duelo contra o Gama.

Gama

Após golear o Ceilandense, os comandados de Vilson Tadei vão para cima do Ceilândia. O time tentará vencer com larga vantagem de gols para tomar a liderança do Real Brasília. Neste momento, o critério que coloca o Real na ponta é o saldo (11 contra 10).

Quanto aos 11 titulares, o time deve ser o mesmo que venceu na última rodada. Paulo Henrique segue na vaga de Peu na lateral-esquerda. Na outra lateral, Gabriel sentiu o músculo posterior da coxa direita no último jogo, mas deve começar jogando contra o Ceilândia. Caso contrário, Wallace entra em ação.

Ceilândia x Gama

Campeonato Candango 2020 – 4ª Rodada
Estádio Abadião, Ceilândia-DF – 08/02/2020, 15h30

Árbitro: Marcos Antonio Ferreira dos Santos
Assistentes 1 e 2: Marconi Souza e Muller Aniceto
4º Árbitro: Maricleiber Gois
Inspetor: Marrubson Melo Freitas

Ceilândia

Leandro; Bahia, Felipe, Jonatan e Matheus, Jordã, Marcone, Evandro e Bocão; Gabriel e Michael Galieta. Técnico: Gauchinho

Gama

Rodrigo Calaça; Gabriel (Wallace), Gustavo, Emerson e Paulo Henrique; Wagner Balotelli, Tarta e Esquerdinha; Luquinhas, Jefferson Maranhão e Nunes. Técnico: Vilson Tadei

Willian Matos

Jornalista com experiência em redação, assessoria de imprensa, rádio e portais da web. Toca cavaco quando dá tempo. Tem a certeza que Rogério Ceni é melhor que Marcos. É editor-chefe do DF Sports+ desde maio de 2019

Willian Matos tem 226 posts e contando. Ver todos os posts de Willian Matos

Willian Matos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *