Foto: Cesar Greco

Árbitro que iniciou carreira no DF representará o Brasil na Copa do Mundo do Catar

Wilton Pereira Sampaio, de 40 anos, é um nome conhecidos dos gramados, e vem se destacando entre os principais árbitros do futebol brasileiro e também sul-americano. Após 21 anos na arbitragem, ele conseguiu alcançar o maior sonho da carreira de um árbitro: chegar à Copa do Mundo.

Em 2018, na Rússia, Wilton esteve presente como árbitro de vídeo, no VAR, mas dessa vez irá como árbitro principal. Ele nasceu em Teresina de Goiás, 287km distante de Brasília, mas foi formado pela Escola de Arbitragem do Futebol do DF em 2001, onde ficou até 2012, quando foi pra Federação Goiana. No ano seguinte, se tornou árbitro FIFA.

Wilton é o segundo árbitro formado no Distrito Federal que vai à uma Copa do Mundo, o primeiro foi Sandro Meira Ricci. Além dele, Raphael Claus (SP) também irá ao Catar. Essa será a primeira vez desde 1950 que o Brasil terá mais de um árbitro na competição.

Em um intercâmbio feito entre as federações Brasiliense e Goiana, Wilton Pereira Sampaio voltou a apitar o Candangão neste ano, quando comandou a partida entre Capital e Brasília, válido pela 5ª rodada. Outra curiosidade é que o experiente árbitro é irmão de outro renomado juiz do DF, Sávio Pereira Sampaio, que foi integrado ao quadro FIFA no fim de 2021.

João Paulo

Jornalista apaixonado em contar as histórias que o esporte proporciona. Boêmio e torcedor nas horas vagas.

João Paulo tem 132 posts e contando. Ver todos os posts de João Paulo

João Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *