Foto: Oscar Polita/Esp. Metropoles

Brasiliense desperdiça pênaltis e está eliminado da Copa Verde

Jogando no estádio Valdir Doilho, no interior de Mato Grosso, o Jacaré enfrentou o Nova Mutum-MT em jogo válido pela volta das quartas de final da Copa Verde 2021. Como havia vencido o jogo de ida pelo placar m´ínimo, bastava ao Brasiliense arrancar um empate para seguir à semifinal.

Mas um gol do mandante aos quarenta minutos fez com que a decisão fosse novamente para os pênaltis. O Jacaré que passou por dois adversários desta forma, mas desta vez, despediçou quatro cobranças e acabou eliminado. Agora o campeão candango volta as suas atenções para a disputa do Campeonato Candango de 2022.

O jogo

Por ser um jogo decisivo, o Brasiliense entrou em campo de forma cautelosa. A primeira chance foi do Azulão. Aos quatro minutos o meia Higor recebeu da entrada da grande área e disparou o chute, mas a bola saiu por cima do gol. Aos oito, Weverton Goduxo roubou bola no campo de ataque, avançou na grande área e chutou rasteiro, mas Gabriel defendeu. No lance seguinte, Luquinhas deu bela assistência para Marcão, que chutou de bico, mas Gabriel espalmou para a linha de fundo.

Aos dezoito minutos, Higor teve mais uma boa chance de marcar o primeiro gol do Azulão, mas a bola morreu nos braços do goleiro Sucuri, que estava bem posicionado na trave. Com 27 minutos de bola rolando, Coquinho cruzou bola na cabeça de Railon, que mandou para fora. E aos 41′, Bernardo bateu falta fechada que tirou tinta da trave esquerda de Gabriel.

O segundo tempo começou com o Nova Mutum melhor em campo, pressionando em busca do primeiro gol, mas a defesa do Jacaré não deu espaços para as conclusões de seus atacantes. A primeira chance real de gol foi do Brasiliense aos 22 minutos, quando Balotelli tabelou com Weverton Goduxo, que cruzou na área. Marcão cabeceou como manda o manual, para o chão, mas Gabriel, bem colocado, praticou a defesa. Quatro minutos depois, Weverton Goduxo cruzou, a defesa afastou errado e Kesley cabeceou pra fora. Aos 36′, após boa jogada pela esquerda, Maranhão tocou na medida para Marcão, na pequena área, furar o arremate.

Quando parecia que a classificação viria para o Brasiliense, o Azulão conseguiu abrir o placar. Após jogada pela direita, Wandinho ajeitou para Juninho chutar rasteiro, no contrapé de Sucuri, que nada conseguiu fazer. No final de jogo ainda sobrou um cartão vermelho para Weverton Goduxo por agressão ao adversário.

Vindo de duas classificações nas penalidades, esperava-se que o Jacaré teria mais confiança para as cobranças diante do Azulão. Porém, não foi o que aconteceu. O que se viu foi um festival de cobranças erradas de ambas as partes, tanto de Nova Mutum quanto do Brasiliense, somente na terceira cobrança em diante a bola começou a entrar. Depois de Victor Rangel e Jorge Henrique perderem suas oportunidades, Aloísio e Marcão marcaram, e a decisão ficou nos pés de Jefferson Maranhão. Mas o atacante errou o alvo e a bola foi para fora.

Nas cobranças alternadas, o zagueiro Jô marcou à favor dos mandantes, mas Gabriel pegou a cobrança de Wagner Balotelli e decretou a eliminação do Brasiliense

Ficha técnica

NOVA MUTUM-MT 1 (3)x(2) 0 BRASILIENSE

Campeonato Copa Verde 2021 – Quartas de final
Estádio Valdir Doilho – Nova Mutum-MT – 03/11/2021, 16h

Árbitro: Wasley Leão (RR)
A1: Alex Sandro Thomé (RR)
A2: Márcio Duarte dos Santos (RR)
4º árbitro: Luis Paulo Pinheiro (MT)

NOVA MUTUM-MT

Gabriel; Leonardo, Jô, Taison e Juan (Vitor); Vinícius, Felipe, José Hugo e Higor (Juninho); Wandinho e Romário
Técnico: Dema

Gols: Juninho (40′ – 2ºT)
Cartões Amarelos: Higor, Vinícius, Jô
Cartões Vermelhos: Não houve

BRASILIENSE

Edmar Sucuri; Coquinho, Gustavo Henrique, Railon e Weverton Goduxo; Radamés (Vitor Rangel), Zotti (Wagner Balotelli) e Bernardo (Aloísio); Kesley (Jorge Henrique), Luquinhas (Jefferson Maranhão) e Marcão
Técnico: Luan Carlos

Gols: Não houve
Cartões Amarelos: Não houve
Cartões Vermelhos: Weverton Goduxo

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2925 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *