Foto: Bruno Batista/Brasília FC

Contra o Cruzeiro, Brasília é superior e vence na estreia da Segundinha

Na manhã deste domingo (19), Cruzeiro e Brasília estrearam na Segundinha 2021 – reedição da primeira rodada de 2020 -, e assim como no ano anterior, o Brasilia foi superior e bateu o Carcará por 3×0. 

Os gols foram marcados por Lucas Victor (2x) e Romário, todos a partir da bola aérea. Na próxima rodada, o Colorado enfrenta o SESP/Taguatinga no sábado (25), às 15h30, enquanto o Cruzeiro joga contra o Legião, ainda com data e local a serem definidos. 

Primeiro tempo 

Desde o início, o Brasília optou por pressionar e ir em busca do resultado. Aos 3’, Judvan deu um bom drible pela direita e cruzou na área, mas não tinha ninguém para completar. 

No minuto seguinte, Juninho levou pela esquerda e fez novo cruzamento, e dessa vez, Lucas Victor estava lá para completar para o fundo das redes de cabeça.  

Precisando de gols para buscar a primeira colocação do grupo – Ceilandense venceu por 4×0 o SESP/Taguatinga no sábado -, Mirandinha driblou o goleiro e buscou o segundo, mas acabou perdendo o ângulo para finalização. 

O Cruzeiro então acordou para o jogo, ensaiou uma pressão, mas não conseguiu chegar com qualidade na área. Arriscando de longe, a bola batia na defesa e saía ou ia direto para as mãos de Márcio Fernandes. 

Mirandinha voltou a arriscar, dessa vez, de longe, e com a mão trocada, o goleiro Pedro Gabriel fez linda defesa e mandou para escanteio. Aos 40’, Juninho deu novo cruzamento pela esquerda, na cabeça de Romário, para ampliar o placar. 

Segundo tempo 

Romário teve chance de fazer mais um logo no início da segunda etapa, quando a bola foi alçada na pequena área, mas o atacante não alcançou. 

O terceiro gol não demorou a sair. Aos 13’, a bola sobrou na área, Marcos tentou cortar, mas acabou furando. Lucas Victor estava atento para aproveitar a sobra e escorar para o fundo das redes. 

Após erro da defesa visitante, a bola sobrou para o Luciano finalizar, mas o atleta do Cruzeiro errou a bola e acabou perdendo a chance de diminuir o placar 

Logo após entrar no lugar de Raphael, Dadinho recebeu na entrada da área e chutou rasteiro. O goleiro Pedro Gabriel ficou só olhando a bola ir para fora. 

Por meio da bola aérea, o Cruzeiro tentou chegar novamente aos 44’, mas Marcio Fernandes foi mais rápido para tocar na bola e mandar para lateral antes do apito final. 

Ficha técnica

CRUZEIRO 0x3 BRASÍLIA

Segunda Divisão Candanga – primeira fase – 1ª rodada

19/09/2021 – Abadião – Ceilândia-DF

Árbitro: Adriano Luiz
A1: Christofer Souza
A2: Leonardo Paz
4º árbitro: João Henrique Barbosa

Cruzeiro
Pedro Gabriel; Dudu, Marcos, Luiz Gustavo e Luciano; Palhinha, Anthonny (Levi), Jeovane (Rogério) e Nalbert; Andreas (Iago) e David

Cartão amarelo: Andreas

Brasília
Márcio Fernandes; Judvan, Pedrão, Fernando e Leandro C.; Pipoca, Raphael (Dadinho) e Juninho; Mirandinha (Wesley Jr), Romário e Lucas Victor

Cartão amarelo: Juninho

Gols: Lucas Victor (4’ 1T e 14’ 2T), Romário (40’ 1T)

Camila Bairros

Jornalista pós-graduada em jornalismo digital. Escrevo sobre o esporte candango e nas horas vagas assisto mais futebol

Camila Bairros tem 235 posts e contando. Ver todos os posts de Camila Bairros

Camila Bairros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *