Falece Laurindo Miura, treinador símbolo do basquete de Brasília

A data que celebra o segundo clássico entre Cerrado e Brasília da história do NBB ficará marcada por uma notícia de pesar. Faleceu nesta quinta-feira (11), devido complicações durante uma cirurgia no rim, o treinador símbolo do basquete na capital do país, Laurindo Miura.

Laurindo foi o responsável por revelar e treinar Oscar Schmidt. Além de ter papel fundamental na formação dos ex-atletas e agora técnicos José Vidal e Ronaldo Pacheco (supervisor técnico do Cerrado), além do ala Arthur Belchor.

O treinador era cadeirante desde a década de 80, quando sofreu um acidente de carro. Nos últimos anos, Laurindo sofreu diversos problemas de saúde.

Em comunicado, a Liga Nacional de Basquete lamentou profundamente a perda. “Desejamos força a todos os parentes, amigos e admiradores do trabalho do treinador, que sem dúvida deixou um legado eterno para o esporte da bola laranja no Brasil”, diz um trecho da publicação.

Em entrevista ao jornalista Rener Lopes, Ronaldo Pacheco destacou a importância do prossional. “O Miura na minha opinião é o maior formador do basquete brasiliense….a contribuição do Miura para o esporte aqui e em todo o Brasil é enorme. É uma perda irreparável. Ele foi o grande mestre do basquete de Brasília. “, destaca

Ele sempre quis um basquete de Brasília grande e a prova de que está grande é ter dois times no NBB

Ronaldo Pacheco

Marcus Rodrigues

Estudante de jornalismo da Universidade Paulista (Unip). Repórter do portal Metrópoles. Comentarista esportivo. Integra a equipe do DF Sports+ desde julho de 2019

Marcus Rodrigues tem 157 posts e contando. Ver todos os posts de Marcus Rodrigues

Marcus Rodrigues

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *