Arte: Guilherme Martins/DFSports+

Gama recebe o Goianésia no primeiro jogo após saída de Vilson Tadei

Neste domingo (13), o Gama recebe o Goianésia em seu estádio pelo jogo decisivo do primeiro mata-mata da Série D. Após empatar em 2×2 no jogo de ida, o Periquito precisa da vitória para se classificar para as oitavas de final e ficar mais perto do acesso à Série C. Um novo empate leva a decisão para os pênaltis.

Para o jogo da volta, uma mudança drástica na equipe. Vilson Tadei, Treinador do Gama nas duas últimas temporadas, pediu demissão nesta semana para assumir o arquirrival Brasiliense, que também briga pelo acesso. Victor Santana, campeão candango com o Sobradinho em 2018, é quem assume a equipe.

Gama

Mesmo com nova comissão técnica, o Gama não deve ter muitas mudanças para o jogo deste domingo.

Sem expulsões ou lesões no jogo de ida, a única alteração no time titular do Periquito deve ficar por conta da saída do atacante Éverton, que foi anunciado no Juventude na última segunda-feira (7). Curiosamente, o antigo titular deve ser substituído por Ueslei, seu irmão gêmeo.

Goianésia

Após não conseguir aproveitar o momento conturbado do adversário e a vantagem de estar dentro de casa no jogo de ida, o time goiano chega em Brasília com alguns desfalques.

Dudu Tapajé e Elves foram expulsos no final da primeira partida e estão fora. De resto, o jovem treinador Luan Carlos deve levar a campo a mesma equipe que empatou no jogo de ida.

Ficha técnica

GAMA X GOIANÉSIA

Estádio Bezerrão, Gama-DF, 13/12, às 16h
Campeonato Brasileiro Série D – segunda fase, 16 avos (jogo de volta)

Árbitro: João Ennio Sobral (RJ)
A1: Lilian da Silva Fernandes Bruno (RJ)
A2: Carlos Henrique Cardoso de Souza (RJ)
4º árbitro: Marcello Rudá Neves Ramos da Costa (DF)
Analista do campo: Geufran Almeida de Oliveira (DF)

Gama

Roger; Gabriel, Gustavo, Gustavo Rambo, Paulo Henrique; Wallace, Romário, Esquerdinha; Ueslei, David Souza, Michel Platini
Técnico: Victor Santana

Goianésia

Artur; Bruno Leite, Caio, Anderson Sobral, Cleidson; Bosco, Iran, Léo; Franklin, Jonathan e Vanílson
Técnico: Luan Carlos

Eduardo Blatt

Estudante de Jornalismo, apaixonado por esportes e amante do futebol local. Sempre foi aquele que, quando começa a resenhar com os amigos sobre futebol, não tem quem o faça parar. Agora, busca fazer isso como profissão.

Eduardo Blatt tem 25 posts e contando. Ver todos os posts de Eduardo Blatt

Eduardo Blatt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *