Arbitragem DF fica em segundo no Campeonato Brasileiro de Árbitros

Os árbitros do Distrito Federal foram a Pernambuco, Recife, para disputar a quinta edição do Campeonato de Árbitros Brasileiros. A equipe do Distrito Federal esteve em todas as finais da competição e vinha de 3 títulos em 4 edições da competição, mas não conseguiu o tetracampeonato seguido, perdendo na final pra equipe de Santa Catarina. A competição aconteceu entre os dias 12 e 14 e os jogos foram disputados nos Centros de Treinamento do time do Retrô, Náutico e Sport.

Na primeira fase a equipe enfrentou os estados do Acre, Pará e Ceará. Estreando contra o Acre, a equipe fez uma grande partida e venceu por 13 a 01, com seis gols de Luiz Paulo, dois de Felipe Barbosa, e também gols de Almir Camargo, David Sousa, Rafael Diniz, Daniel Henrique e Christofer Sousa. Já na segunda partida a equipe encontrou dificuldades contra a boa defesa do time do Pará e não conseguiu sair do 0 a 0. No último jogo, valendo a liderança do grupo, mais um jogo difícil e com muita pressão da equipe do Ceará. Acostumada ao calor do Nordeste, o Ceará pressionou bastante em diversos momentos, mas a equipe do Distrito Federal conseguiu se sobressair e venceu por 3 a 2, com gols de Jonas Junio, Felipe Barbosa e Almir Camargo, garantindo a primeira colocação e a classificação para a próxima fase.

Nas quartas de final, a equipe enfrentou os árbitros da Bahia e conseguiu uma difícil e importante vitória por 2 a 0, com gols de Marcello Rudá e Christofer Sousa, garantindo a vaga para as semifinais. Esse jogo contou com um momento curioso, faltando pouco mais de 20 minutos para encerrar a partida, o dia simplesmente escureceu e não era possível ver mais nada. A equipe teve de ligar os faróis dos carros próximos para poder ter iluminação e seguir com a partida.

Na semifinal a equipe enfrentou os árbitros de Minas Gerais. O jogo teve bons lances e chances perdidas de ambos os lados, e a equipe do Distrito Federal ainda teve um jogador expulso aos 30 do primeiro tempo. Mas aí a equipe mostrou raça e conseguiu mesmo com um a menos abrir o placar, aos 38 minutos do segundo tempo, quando Maricleber Goiás recebeu e chutou bem para abrir o placar. O time mineiro deu a resposta pouco depois, deixando o jogo em 1 a 1 e levando para os pênaltis. Ambos os times foram fazendo gols em suas cobranças, até que na última para a equipe mineira o goleiro Maguielson Lima defendeu e conseguiu classificar a equipe

A final da competição foi contra o estado de Santa Catarina, e foi transmitida pela Globo Recife. O jogo foi bom, porém com poucas chances de gol, com as duas defesas fazendo um bom trabalho, e em uma jogada de sorte da equipe catarinense, acabaram conseguindo o gol e o título.

Rômulo Maia

Jornalista e goleiro de futebol. Apaixonado por todos os tipos de esportes e pelo Jornalismo. Defende que as mulheres tenham as mesmas oportunidades que os homens, e que os mais carentes tenham incentivo à prática do desporto. "O esporte é a ferramenta de inserção social mais eficaz, pois o resultado é imediato e as transformações são surpreendentes."

Rômulo Maia tem 406 posts e contando. Ver todos os posts de Rômulo Maia

Rômulo Maia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *