Brasiliense perde gols, não sai do zero com o CRB e é eliminado na Copa do Brasil

O objetivo era apenas um, vencer o CRB-AL, na tarde desta quarta-feira (13), pela primeira fase da Copa do Brasil 2019, uma vez que, pelo regulamento, qualquer outro resultado favorecia ao time de Alagoas. Assim o Brasiliense entrou no campo do estádio Serejão, em Taguatinga-DF. Ao término, 0 x 0 e classificação garantida para o time visitante.

Embora o time do Nordeste tenha iniciado com bastante empolgação, em busca do gol que lhe traria uma tranquilidade para administrar o restante do duelo, foi o Jacaré quem assustou na meta adversária. Aos seis minutos, o lateral Alex Murici cruzou da direita e o atacante Romarinho por pouco não alcança a bola, que se perdeu pela linha de fundo.

Em seguida, novamente Alex Murici mostrou seu cacoete ofensivo. Ele avançou e arriscou do meio da rua, mas a redonda tomou outra vez o rumo da última linha do campo. A partida seguiu e, aos 18’, Peninha disputou com o zagueiro, ficou na vantagem e arrematou, mas o goleiro do CRB, Edson, defendeu.

Em contra-ataque veloz, aos 23 minutos, o time da casa perdeu nova oportunidade clara de gol. Reinaldo recebeu de Alex Murici, cruzou na cabeça de Romarinho, mas o camisa 20 cabeceou para fora. A essa altura o Brasiliense arriscava a sua classificação, abusando do direito de perder gols.

Antes do término do primeiro tempo, outras chances foram desperdiçadas pelos mandantes, uma aos 34 e outra aos 35 minutos, ambas com o atacante Reinaldo. A segunda, no entanto, com mais clareza, parando nas mãos de Edson. Depois do sufoco o árbitro apontou o fim da etapa inicial do jogo.

Com as mesmas formações de início, os times retornaram para o segundo tempo. Apesar do domínio das ações, o Jacaré chegou bem menos ao ataque. Assim, a equipe do CRB aproveitava e não tinha pressa para criar qualquer jogada ofensiva.  

Mas, a partir dos 40 minutos, os nordestinos se assanharam. Deste modo, Victor Rangel, que havia entrado a pouco, acertou um belo chute no travessão de Edmar Sucuri. A bola ainda voltou no chão, quase em cima linha. Na sequência outra chance, também não aproveitada pelos visitantes.

Enfim, após perder diversas oportunidades claras de gol, inclusive em cobrança de falta perdida por Peninha aos 49 minutos, o placar de 0 x 0 foi adverso para o Brasiliense, que entregou de bandeja a classificação para os adversários. O CRB-AL espera o vencedor de Sergipe-SE e Goiás, que duelam nesta noite, na capital sergipana.

Agora o Brasiliense volta as suas atenções para o Campeonato Candango. O confronto está marcado para o próximo domingo (17), às 10 horas, contra o Ceilândia, no estádio Abadião.  

FICHA TÉCNICA

BRASILIENSE-DF 0 x 0 CRB-AL

Copa do Brasil 2019 – 1ª Fase

Estádio Serejão, Taguatinga-DF – 13/02/2019, 16h30

Público: 992  

Renda: R$ 11.340,00

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima/RS

A1: André da Silva Bitencourt/RS

A2: Fabrício Lima Baseggio/RS

4º árbitro: Maguielson Lima Barbosa/DF

Analista de campo: Marrubson Melo Freitas/DF

BRASILIENSE-DF

Edmar Sucuri; Alex Murici, Lúcio, Badhiuga e Romano; Geovane (Luquinhas), Emerson Martins e Almir (Erick Flores); Peninha, Romarinho e Reinaldo (Afonso).

Técnico: Adelson de Almeida.

Gol: não houve.

Cartão amarelo: não houve.

Cartão vermelho: não houve.

CRB-AL

Edson; Júnior, Wellington, Edson da Silva e Guilherme; Claudinei, Mateus e Ferrugem; Willian Barbio (Danilinho), Hugo (Felipe) e Zé Carlos (Victor Rangel).  

Técnico: Roberto Fernandes. 

Gol: não houve.

Cartão amarelo: Ferrugem. 

Cartão vermelho: não houve.

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2808 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *