Minas Icesp perde a invencibilidade atuando dentro de casa

Na tarde de hoje, no estádio Abadião, em um jogo de dar inveja à muito marmanjo, o Minas Icesp, representante do Distrito Federal no Brasileiro Feminino A2, acabou derrotado e perdendo o 100% por cento de aproveitamento na competição. A derrota por 2×0 para as coloradas derrubou as “Minas” da liderança para a terceira colocação do grupo 14. O Internacional-RS, vencedor do confronto, assumiu a liderança da chave.

Jogo quente

Mal a bola rolou e o Internacional já demonstrou que seria um visitante indigesto. A camisa 7 Shaiane fez boa jogada pela direita, mas acabou finalizando por cima do gol defendido por Mariel, que acabou sendo escalada no lugar da goleira Kris, que sentiu um desconforto durante o aquecimento das atletas. Depois do susto inicial, o time candango tomou conta da partida, enquanto as visitantes adotaram uma postura mais cautelosa, esperando o Minas Icesp e jogando no contra-ataque.

Dono de um ataque veloz, as Minas conseguiram em pelo menos três oportunidades ultrapassar a linha de impedimento que a defesa do Internacional fazia. Nas primeira delas, logo aos três minutos, o auxiliar Renato Tolentino marcou impedimento de Victória, para desespero das donas da casa. O replay da transmissão feita pela equipe do DF Sports em parceria com o clube candango revelou que o lance foi milimétrico e muito difícil para a arbitragem. Em outra oportunidade, a atacante Barbrinha recebeu cara a cara com a goleira Fernanda e bateu de primeira pra fora, perdendo uma grande chance.

E como no futebol, quem não faz leva, O Internacional começou a incomodar, até conseguir o gol inaugural. Aos 28, Júlia bateu de fora da área e quase acertou o angulo de Mariel. Porém aos 44, Júlia acertou um lindo lançamento do meio campo e achou Daiane, livre, nas costas da defesa do Minas Icesp. A camisa 11 dominou e com muita calma tocou por cima da goleira candanga. 1×0 para as visitantes.

Depois do balde de água fria, o time candango voltou para o segundo tempo pressionado e pressionando as adversárias, tentando pelo menos empatar o jogo para se manter na liderança. No entanto, quem esperava que o Internacional colocaria o resultado debaixo do braço e tentaria segurar a vitória, se enganou. O time colorado avançou as linhas de marcação e passou a jogar dentro do campo adversário. Essa postura obviamente possibilitou o contra-ataque para as donas da casa, porém não era dia do Minas Icesp. As atacantes do time do DF não estavam com o pé calibrado na hora da finalização. As Minas até criaram várias oportunidades de gol, mas não fizeram e ainda foram castigadas com o segundo gol. Aos 32 minutos, Karina bateu escanteio e a defesa do Minas permitiu que a zagueira Isadora subisse sozinha pra fechar o caixão candango. 2×0.

Após o jogo, a diretoria do Minas Icesp, Nayeri Albuquerque, falou sobre a derrota: “Uma vitória em casa seria providencial, mas o trabalho continua, não podemos abaixar a cabeça. Também precisamos estar preparados para as derrotas, mas não podemos permitir que isso tiro nosso foco”, comentou.

O próximo jogo do Minas Icesp é no dia 16, contra o Grêmio-RS, fora de casa. As Minas voltam ao DF no di 30, quando recebem o Duque de Caxias-RJ.

FICHA TÉCNICA

MINAS ICESP 0x2 INTERNACIONAL-RS

Campeonato Brasileiro Feminino Série A2 2018 – Grupo 14 – 3ª rodada

09/05/2018 – 15h

Estádio Abadião, Ceilândia-DF

Arbitro: Maguielson Lima Barbosa – DF

A1: Daniela Gomes – DF

A2: Renato Tolentino – DF

4º Árbitro: Luiz Aniceto – DF

5º Árbitro: Jamir Garcez – DF

MINAS ICESP

Mariel; Marcela (Laine), Andiara, Kaká e Jéssica; Drica, Beatriz, Bárbara (Ellen) e Robinha; Victória e Laíssa (Dani).

Técnico: Helber Damião

Gols: Não Houve

Cartões Amarelos: Beatriz

INTERNACIONAL

Fernanda; Leidi, Isadora, Sorriso e Caroline; Paloma (Kika), Júlia, Dai (Mylena) e Shayane; Daiane Moretti (Hulk) e Karina.

Técnica: Tatiele Silveira

Gols: Dai (44 1º T) e Isadora (32 2º T)

Cartões: Paloma

Por Pedro Breganholi

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2647 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *