PINHEIROS X BRASILIA, jan31, NBB 2021-2022 | Esporte Clube Pinheiros | Foto: Ricardo Bufolin / Panamerica Press / ECP

Em mais uma prorrogação, Brasília perde para o Pinheiros e segue na lanterna do NBB

O BRB/Brasília Basquete viajou até a capital paulista para enfrentar o Pinheiros na noite desta segunda-feira (31). A equipe candanga saiu derrotada do Ginásio Henrique Villaboim pelo placar de 107 a 95. Destaque para o estadunidense Dominique Coleman, que anotou 32 pontos. Pelo lado do Brasília, Roberto Fischer fez 25 pontos, mas não foram suficientes para evitar a derrota.

Ambos os times vinham de resultados adversos. O Brasília perdeu para o São Paulo em casa, enquanto o Pinheiros foi derrotado para o Franca. Para a partida desta segunda-feira, o técnico Régis Marrelli contou com toda sua equipe e teve o desfalque apenas de Pedrinho Rava. O quinteto inicial da equipe visitante foi Erik Thomas, Fischer, Zach Graham, Gemerson e Ronald.

Primeiro tempo

A partida começou muito agitada, tendo uma combinação de vinte pontos entre as duas equipes nos primeiros dois minutos e meio de partida: 10 a 10 no placar. O primeiro período seguiu muito equilibrado, com os dois times tendo muita bola desperdiçada em seus ataques.

Fischer cometeu duas faltas e teve que sair de quadra. Com a perda de seu armador de ofício, o Brasília mudou sua forma de atacar, usando mais o jogo coletivo e a velocidade de seus atletas. A estratégia deu certo, mas Buffat e Coleman estavam muito bem para a equipe paulista. Em jogo bastante pegado no primeiro quarto, o time da casa começou ganhando por 24 a 23.

PINHEIROS X BRASILIA, jan31, NBB 2021-2022 | Esporte Clube Pinheiros | Foto: Ricardo Bufolin / Panamerica Press / ECP

A velocidade do time do Brasília deixou de funcionar e a equipe sentiu falta de Fischer, que era quem estava organizando os ataques do time visitante. A equipe paulista, que não tinha nada a ver com isso, aproveitou os erros dos brasilienses e chegou a ficar com 11 pontos de vantagem perto do fim do período. 

Danilo Sena, que veio do banco do time mandante, jogou todos os dez minutos finais do primeiro tempo e acertou três cestas para três pontos, o que colocou o Ala como cestinha da partida. Já o Brasília pagou por suas dificuldades e teve apenas dez pontos no quarto. O primeiro tempo terminou em 42 a 33 para o Pinheiros.

Segundo tempo

O terceiro quarto começou com o Brasília diminuindo a vantagem do Pinheiros, Thomas fez quatro pontos, mas em seguida os paulistas voltaram a pontuar e fizeram seis pontos seguidos, colocando a diferença em 11 pontos. Erik Thomas mais uma vez colocou o Brasília na partida, a diferença caiu para seis. Com isso, o técnico Edson Bergano parou o jogo com um pedido de tempo.

O tempo técnico surtiu efeito, logo na primeira posse da volta do jogo, Coleman converteu uma bola para três pontos, mas isso não parou o bom momento dos candangos. A vantagem do Pinheiros chegou a cair para três pontos, com tudo os paulistas se encontraram novamente no jogo e em duas posses do time da casa, seis pontos foram convertidos, aumentando a diferença para nove pontos. 

PINHEIROS X BRASILIA, jan31, NBB 2021-2022 | Esporte Clube Pinheiros | Foto: Ricardo Bufolin / Panamerica Press / ECP

Apesar dos erros do Brasília, o time candango terminou o período com vinte e cinco pontos, três a mais que o rival paulista. A vantagem do Pinheiros caiu para seis pontos. Quem foi ao ginásio na noite desta segunda esperava muitas emoções para a segunda metade do segundo tempo.

O quarto período começou com o Brasília mantendo sua boa pontaria, dez pontos nos primeiros três minutos, e a diferença chegou a cair para apenas um ponto. O time do Distrito Federal passou a liderar o número de rebotes e jogar melhor na partida. Faltando quatro minutos para o fim, Fischer acertou uma cesta para três pontos e os visitantes passaram a frente do placar, mesmo assim, o jogo seguiu muito equilibrado.

Coleman e Cauê estiveram muito bem na partida e foram os nomes do Pinheiros no último período. Em um contra-ataque fatal, Coleman fez dois pontos em uma bandeja, virando cestinha do jogo e colocando os mandantes três pontos à frente com dezessete segundos no relógio. Na posse do Brasília, Gustavo Basílio empatou a partida em uma cesta de três pontos. O quarto período acabou empatado em 86 a 86, garantindo mais cinco minutos de jogo.

PINHEIROS X BRASILIA, jan31, NBB 2021-2022 | Esporte Clube Pinheiros | Foto: Ricardo Bufolin / Panamerica Press / ECP

Prorrogação

Na primeira posse da prorrogação, o ala Dominique Coleman mostrou o porque ser o destaque da partida e anotou três pontos, enquanto o Brasília pecava com erros em seus ataques. O Pinheiros chegou a abrir seis pontos de vantagem faltando três minutos para o fim do jogo. Roberto Fischer anotou três pontos em três lances livres e a vantagem do Pinheiros novamente caiu.

Buffat aumentou mais uma vez a diferença do Pinheiros, mas o Brasília respondeu. A defesa do time da casa foi fundamental, em uma roubada de bola de Coleman, o ala colocou Derik sozinho na bandeja e a distância subiu para seis pontos. Os erros do Brasília custaram a vitória e, enquanto isso, o time da capital paulista aumentou ainda mais a vantagem que chegou a dez pontos.

Coube a equipe da casa administrar a vantagem. Coleman, em uma noite espetacular, no último lance da partida ainda guardou uma enterrada maravilhosa. Fim de jogo. 107 a 95 para o Pinheiros.

PINHEIROS X BRASILIA, jan31, NBB 2021-2022 | Esporte Clube Pinheiros | Foto: Ricardo Bufolin / Panamerica Press / ECP

Próximos compromissos

O Brasília segue em uma situação delicada, com apenas três vitórias. O time da capital federal segue em São Paulo para enfrentar o Bauru no Ginásio Panela de Pressão na próxima quarta-feira (02), às 18h. Já o Pinheiros continua na zona de classificação para a pós-temporada e recebe o Cerrado, também na quarta-feira, no ginásio Henrique Villaboim.

Filipe Fonseca

Técnico em Informática e Estudante de jornalismo. Falo e escrevo sobre esportes e músicas. Torcedor nas horas vagas.

Filipe Fonseca tem 48 posts e contando. Ver todos os posts de Filipe Fonseca

Filipe Fonseca

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *