Foto: Alan Rones

Taguatinga bate Ceilândia em tarde de gols anulados

O Ceilândia recebeu o Taguatinga na tarde deste sábado (3) pela quarta rodada do Candangão 2021 no estádio Abadião. Vindo de uma vitória fora de casa, o Gato Preto encarou o líder do grupo A buscando os três pontos para ficar numa posição confortável na tabela. Mas ao final dos noventa minutos, prevaleceu a boa fase do Tecão que venceu mais uma e permaneceu na ponta da tabela.

Teve gol do Itagol

Quando a bola rolou no Abadião, o que se viu foi muito equilíbrio e lances disputados principalmente no meio de campo. Porém o Ceilândia chegou mais no ataque e pecava no último passe, que não ofereceu perigo ao goleiro Lucas Diniz.

Porém quando chegou, o Taguatinga marcou o seu primeiro gol. Após boa jogada pela esquerda de Evanilson, o camisa 6 cruzou bola na medida para o artilheiro Itamar cabecear no contrapé de Diego e abrir o placar.

Dois minutos depois por pouco o Taguatinga não marca o segundo. Hugo fez boa jogada de linha de fundo e cruzou rasteiro, mas ninguém escorou a bola para as redes. Aos 33′ um lance bizarro: após um recuo ruim da zaga, o goleiro Diego pegou a bola com as mãos fora da área. Falta marcada, Henrique bateu em cima da barreira, Evanilson pegou a sobra e Itamar de bicicleta mandou no travessão. A bola ainda bateu nas costas de Diego antes de sair pela linha de fundo.

O domínio então já era todo do Taguatinga. E o domínio do jogo acabou resultando em mais um gol da Águia. Itamar puxou contra ataque pelo meio e quando passou na linha da grande área foi derrubado. O árbitro marcou pênalti. Daniel Guerreiro bateu no canto direito e marcou o segundo do TEC.

O técnico Adelson de Almeida mudou o posicionamento tático do Ceilândia colocando Mirandinha na vaga de Igor Pato. Logo aos dois minutos Mirandinha puxou contra ataque pela direita, cruzou na área e Wisman de cabeça dividiu com o goleiro perdendo a primeira chance do gato na segunda etapa.

Aos 13′, após bom contra ataque de Wisman, o atacante chutou na saída de Lucas Diniz e a bola passou tirando tinta da trave direita de seu gol. No minuto seguinte Mirandinha pegou bola nas costas da zaga e saiu rumo ao gol driblando Lucas Diniz e estufando as redes. Mas a bandeira Cássia França já havia marcado o impedimento, mesmo assim, o árbitro Christiano Gayo hesitou em confirmar o que foi apontado pela bandeira, gerando uma reclamação geral do time alvinegro que queria a confirmação do gol.

Cinco minutos depois o Ceilândia teve mais um gol anulado. Após boa tabela entre Mirandinha e William, o primeira fez a jogada de linha de fundo e cruzou na medida para Liel escorar para as redes. Mas a bandeira Cássia França apontou impedimento de Mirandinha no início da jogada, gerando mais reclamação do time alvinegro.

Animado, o Ceilândia foi pra cima e teve boa chance aos 22 minutos quando William recebeu passe pela esquerda e cruzou para Mirandinha, mas teve desvio da zaga. Aos 46′ Wisman bateu falta da intermediária e a bola passou perto do travessão. Somente aos 48 minutos o Ceilândia conseguiu marcar seu gol de honra: Após cruzamento da direita, Gabriel escorou de cabeça e venceu o goleiro Lucas Diniz. Final de jogo, Ceilândia 1×2 Taguatinga.

Na próxima rodada o Taguatinga recebe o Brasiliense no estádio Serejão, enquanto o Ceilândia encara o Luziânia no Serra do Lago

Ficha técnica

CEILÂNDIA 1 X 2 TAGUATINGA

Campeonato Candango 2021 – Primeira Fase – Quarta Rodada
Estádio Abadião, Ceilândia, 03/04/2021, 15:30h

Árbitro: Christiano Gayo
A1: Leila Cruz
A2: Cássia França
4º árbitro: Felipe Barbosa

 Ceilândia

Diego; Andrezinho, Cocada (Dogão), Medeiros e Jonatha (Matheus); Werick, Liel, Felipe Goiano (William) e Igor Pato (Mirandinha); Wisman e João Victor (Gabriel).
Técnico: Adelson de Almeida

Gols: Gabriel (48′ 2T)
Cartões amarelos: Igor Pato, Wisman e Werick
Cartões vermelhos: Não houve

 Taguatinga

Lucas Diniz; Denilson, Douglão, Daniel Felipe e Evanilson; Luan, Hugo e Henrique (Lucas Vitor); Vandinho, Itamar (Vitinho) e Daniel Guerreiro (Jefferson).
Técnico: Júnior Araújo

Gols: Itamar (28′ 1T) e Daniel Guerreiro (47′ 1T)
Cartões amarelos: Hugo, Itamar, Vandinho e Júnior Araújo (técnico);
Cartões vermelhos: Luan

Haland Guilarde

Formado em Jornalismo e Comunicação Social pela Universidade Paulista (Unip), foi editor do jornal Alô Brasília e Revista Pop Up. Apaixonado por esportes, decidiu ser colaborador do site Esporte Candango até 2017. Com a experiência adquirida, se sentiu motivado a encabeçar o seu primeiro site esportivo - DF Sports - que hoje é DF Sports+.

Haland Guilarde tem 59 posts e contando. Ver todos os posts de Haland Guilarde

Haland Guilarde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *