Arte: Guilherme Martins/DF Sports+

Gama x Brasiliense: é hora de conhecer o campeão candango!

O cenário não é o melhor para um Gama x Brasiliense. A pandemia do novo coronavírus impede que o torcedor esteja na arquibancada na final do Candangão 2020, e a torcida é um fator importante para o espetáculo. Mesmo assim, o show tem que continuar: neste sábado (29), às 16h, no Bezerrão, Gama e Brasiliense decidem quem vai ser o campeão do torneio.

O Jacaré tem a vantagem. Após ter batido o alviverde com propriedade por 3×1 no Mané Garrincha na última quarta-feira (26), o time de Marcos Aurélio, Zé Love e cia. pode até perder por um gol de diferença que ergue o caneco. Caso seja derrotado por dois gols de diferença, o título será decidido nos pênaltis.

Mas o Gama não jogou a toalha. Até porque o time vai ter apoio da torcida. Sim, da torcida! Mesmo não podendo ocupar a arquibancada, o torcedor gamense deu um jeito de passar energia à equipe. Após a derrota, os torcedores arrecadaram R$ 2 mil para fazer uma festa de recepção à delegação na chegada ao Bezerrão. O objetivo é colocar 1 mil pessoas nas imediações do estádio para fazer um “caldeirão”. Vai ter fumaça!

Brasiliense

Dono da vantagem, o técnico Márcio Fernandes não deve mudar muito o time que bateu o alviverde no jogo de ida. A escalação, aliás, vem sendo elogiada por torcedores nas redes sociais. Peninha e Romarinho, que dão velocidade ao setor ofensivo, agradam a torcida. Ambos devem começar jogando novamente.

A única mudança é a volta de Railan na lateral-direita. O atleta cumpriu suspensão no jogo de ida e agora retoma a vaga. Assim, Bruno Lima, que foi improvisado no setor, começa no banco.

Gama

A missão é difícil, mas a conta é simples: vitória por dois gols de diferença leva para os pênaltis. Triunfo por mais gols dá o título ao alviverde nos 90 minutos. Caso faça menos que isso, a taça fica com o Brasiliense. “Entendo que é difícil, mas não impossível de reverter”, afirma o técnico Vilson Tadei.

Para o duelo, o alviverde tem uma dúvida importante. O zagueiro e capitão Emerson, que já havia sido poupado do jogo de volta da semifinal contra o Formosa, acabou sendo substituído por lesão no duelo diante do Brasiliense. Dessa forma, caso Emerson não possa entrar em campo, Gustavo Rambo encara o desafio.

FICHA TÉCNICA
Gama x Brasiliense

Campeonato Candango 2020 – final (volta)
Estádio Bezerrão, Gama-DF – 29/08/2020, 16h

Árbitro: Sávio Sampaio
Assistente 1: Daniel Henrique
Assistente 2: José Reinaldo Nascimento Júnior
Quarto árbitro: Luiz Paulo Aniceto

Gama

Calaça; Amaral, Gustavo, Emerson (Gustavo Rambo) e Peu; Wallace, Andrei Alba e Esquerdinha; Vitor Xavier, Everton e Nunes
Técnico: Vilson Tadei

Brasiliense

Fernando Henrique; Railan, Badhuga, Rodrigo e Fernandinho; Aldo, Esquerdinha, Marcos Aurélio; Peninha, Romarinho e Zé Love
Técnico: Márcio Fernandes

Willian Matos

Jornalista com experiência em redação, assessoria de imprensa, rádio e portais da web. Toca cavaco quando dá tempo. Tem a certeza que Rogério Ceni é melhor que Marcos. É editor-chefe do DF Sports+ desde maio de 2019

Willian Matos tem 152 posts e contando. Ver todos os posts de Willian Matos

Willian Matos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *