Foto: Rosiron Rodrigues

Com gol nos acréscimos, Goiás vence o Capital

Em preparação para a retomada do Candangão, que ainda não tem data de início definida, o Capital foi a Goiânia para jogo amistoso contra o Goiás neste sábado (18). A Coruja segurou bem a pressão até o final da partida, mas acabou levando um gol nos acréscimos. 

As duas equipes entraram em campo sem ritmo de jogo após quatro meses parados. O time da casa tomou a iniciativa e teve os melhores momentos do jogo. O técnico esmeraldino Ney Franco optou por utilizar duas equipes distintas em cada tempo, enquanto Marquinhos Carioca preferiu fazer substituições no decorrer da segunda etapa. 

Este foi o segundo encontro das equipes, que também realizaram um amistoso de pré-temporada em janeiro de 2019. À época, o jogo terminou em 2×2.

Primeiro tempo

O Capital pouco fez na primeira etapa. Mesmo sem torcida presente e com desfalque de Caju, Daniel Bessa, Kaio e Victor Andrade, que se recuperam de lesão, o Goiás fez valer o mando de campo e teve maior posse de bola, com Keko orquestrando a equipe no meio de campo. 

A melhor chance do primeiro tempo passou pelos pés do zagueiro Rafael Vaz, que cobrou uma falta rasteira e mandou a bola perto da trave do goleiro Michael.

Bem marcados, os atacantes do Capital não conseguiam receber a bola. A única boa chance da equipe foi já nos acréscimos, quando Victor Cruz cabeceou para fora em cobrança de falta.

Segundo tempo

Já com o time totalmente alternativo, o Goiás criou a primeira chance de gol aos 13’, em cobrança de falta de Jara. A bola bateu na barreira, e no rebote, o meia chileno mandou para fora.

Sem conseguir chegar ao ataque, Marquinhos Carioca começou a mudar a equipe, mas sem efeito. Enquanto isso, o Goiás também fez mais modificações, já que o técnico Ney Franco estava insatisfeito com as chances perdidas.

A Coruja começou a criar lances de perigo após as saídas de Victor Cruz e Romarinho e as entradas de Kleber e Tanque, Aos 44’, Thalles cobrou falta para o Goiás, mas bateu para fora. O Capital aproveitou para sair rápido, Weltinho disparou e derrubado na pequena área, mas o árbitro Jefferson Ferreira mandou o jogo seguir. 

No ataque seguinte, em escanteio para o esmeraldino, Thalles colocou a bola na cabeça de Heron, cria da base. O zagueiro subiu alto e abriu o placar.

Antes de acabar o amistoso, ainda houve tempo para confusão no meio de campo. Figueira estava com a bola dominada, e depois de levar um carrinho de Victor Souza, os dois se estranharam. Em seguida, o árbitro encerrou o jogo. 

FICHA TÉCNICA

GOIÁS 1×0 CAPITAL

Amistoso
Estádio da Serrinha, Goiânia, GO– 18/07/2020, 15h30h

Árbitro: Jefferson Ferreira
Assistentes 1 e 2: Fabrício Vilarinho e Bruno Pires

Goiás

Time 1º tempo: Tadeu; Juan Pintado, Fábio Sanchez, Rafael Vaz e Jeferson; Sandro, Gilberto Júnior e Keko; Marcinho, Rafael Moura e Mike.

Time 2º tempo: Rangel, Yago Rocha (Vidal), Luis Gustavo, Lucas Cavalcante e Heron; Breno (Figueira), Thares, Jara (Vinicius) e Ratinho; Lucão do Break e Quevedo

Técnico: Ney Franco 

Gol: Heron (47’ 2T)

Cartão amarelo: não houve

Cartão vermelho: não huve

Capital

Michael; Vini (Everton), Juan, Medeiros e Werick; Victor Souza, Rodrigo Alves (Weltinho) e Clecio (Mineiro); Victor Cruz (Kleber), Robert (Américo) e Romarinho (Tanque). 

Técnico: Marquinhos Carioca

Gol: não houve

Cartões amarelos: Victor Cruz

Cartão vermelho: não houve

Camila Bairros

Jornalista pós-graduanda em jornalismo digital. Trabalha com esportes e, nas horas vagas, assiste futebol e pratica mais esportes.

Camila Bairros tem 107 posts e contando. Ver todos os posts de Camila Bairros

Camila Bairros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *