Foto: Divulgação

Distrito FC, clube LGBT do DF, sofre com preconceito e falta de apoio

Por Guilherme Martins

Apesar de ser o principal esporte do Brasil, o futebol ainda segrega muitas pessoas e classes. O preconceito acaba sendo o principal adversário para as equipes LGBT, por exemplo, que sofrem para conseguir se manter no esporte.

É o caso do Distrito Futebol clube, equipe brasiliense de futebol amador LGBT. Criado no dia 21 de abril de 2018, o Distrito foi o segundo clube com essa temática na capital federal.

Federado pela Federação de Futebol 7 de Brasília (FF7), o Distrito FC disputa os principais campeonatos do Brasil, como Ligay, True Collors e Copa diversidade. Nos pouco mais de dois anos de existência, o clube já conquistou a Taça Centro-Oeste, além de alcançar o terceiro lugar na Copa Nordeste e a sexta colocação na Ligay BH.

O time manda suas partidas no Capital Society, em Vicente Pires-DF. Atualmente, o elenco é composto por 40 atletas. O time costuma relacionar 20 deles por partida.

Foto: Divulgação

As dificuldades e o preconceito

Com apenas alguns apoiadores, o clube sofre com a falta de recursos. “Por conta do preconceito, as empresas não querem patrocinar o nosso time” conta o atleta Leandro Silva. Leandro revela ainda que outros companheiros já deixaram de ingressar em clubes profissionais por conta da orientação sexual. Ouça no áudio:

O presidente do Distrito FC, Rafael Miranda, fala que o clube visa promover a inclusão no esporte. “O futebol é universal, não tem raça, gênero, etnia. Nele, se joga o branco, o preto, o gordo, o magro, o alto, o baixo, e por aí vai.”

Apoie!

Para apoiar o Distrito FC a disputar competições e dar a estrutura necessária aos atletas, basta entrar em contato pelos telefones (61) 99205-9559 (Rafael) / (61) 98167-1680 (Leandro). No Instagram, o clube também conta um pouco mais do projeto.

O clube também aceita novos jogadores. Para saber mais, os meios de contato são os telefones e o perfil no Instagram acima.

Guilherme Martins

Estudante de Jornalismo da Universidade Paulista (Unip). Idealizador da página Peloteiro FC (@peloteirofc)

Guilherme Martins tem 5 posts e contando. Ver todos os posts de Guilherme Martins

Guilherme Martins

Um comentário em “Distrito FC, clube LGBT do DF, sofre com preconceito e falta de apoio

  • Avatar
    24 de junho de 2020 em 01:14
    Permalink

    Excelente matéria!

    Parabéns pelo trabalho, mas da próxima deixa sua descrição para a gente ver.

    Abraços e viva a liberdade!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *