Foto: Jeff Bottari / Zuffa LLC

Vicente Luque vence americano na volta do UFC

O lutador de Brasília Vicente Luque venceu sua luta no UFC 249, em duelo realizado em Jacksonville (EUA), marcando a volta dos eventos esportivos depois da parada devido à covid-19. Luque vinha de derrota pra Stephen Thompson, em novembro do ano passado. Com a vitória, o brasiliense volta a subir no ranking.

O brasileiro lutou contra Niko Price, do qual já havia ganhado. Desta vez, a vitória veio por nocaute técnico aos 3m37s do terceiro round, em confronto pela categoria Meio Médio.

A luta foi bastante equilibrada, com vários golpes conectados de ambas as partes e uma trocação franca desde o início. Prince conectou mais golpes no primeiro round, mas Luque conseguiu encontrar espaços e conectar seus golpes.

No momento mais perigoso do round, Prince acertou um chute que entrou em cheio. Faltando um minuto para soar o gongo, ele partiu pra cima, mas Luque se segurou bem e evitou maiores perigos.

O segundo round seguiu equilibrado, com ambos partindo pra cima para buscar conectar os golpes. Luque teve bons momentos, mas o adversário conseguiu reagir bem.

Terceiro round

Veio o último round, onde brilhou a estrela do atleta de Brasília. Luque foi trabalhando bem seus jabs e castigando o rosto do adversário, que já mostrava cansaço e não conseguia reagir. Vicente conectou um cruzado certeiro num contra ataque e feriu ainda mais Prince.

Apesar do americano continuar na luta, a arbitragem mandou o confronto ser finalizado devido aos ferimentos graves do atleta, inclusive o olho fechado. Decretou-se assim a vitória de Luque!

Rômulo Maia

Jornalista e goleiro de futebol. Apaixonado por todos os tipos de esportes e pelo Jornalismo. Defende que as mulheres tenham as mesmas oportunidades que os homens, e que os mais carentes tenham incentivo à prática do desporto. "O esporte é a ferramenta de inserção social mais eficaz, pois o resultado é imediato e as transformações são surpreendentes."

Rômulo Maia tem 298 posts e contando. Ver todos os posts de Rômulo Maia

Rômulo Maia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *