Em duelo repleto de gols, Gama toma susto, mas estreia com vitória

O atual campeão Gama estreou no Candangão neste sábado (25), no estádio Bezerrão, contra o Taguatinga. O duelo foi repleto de gols: o alviverde abriu três de diferença, e quando achou que o jogo estava ganho, viu o veterano Acosta marcar duas vezes e deixar o Taguatinga próximo do empate. No entanto, os donos da casa trataram de se impor novamente e fecharam o duelo com uma goleada por 5 x 2.

Domínio no primeiro tempo

Empurrado pela torcida que enfrentou o frio e a chuva para prestigiar o time, o Gama começou pressionando. Com apenas um minuto, Gabriel levantou bola na área e achou Balotelli sozinho. O volante, porém, cabeceou mal e desperdiçou a oportunidade.

Aos 10′, em cobrança de falta, Tarta mandou direto para o gol, surpreendendo o goleiro Diogo e abrindo o placar para o Gama.

No lance seguinte, o Taguatinga quase chegou ao empate. Regino pegou uma bola de bate-pronto e só não acertou o ângulo porque Calaça tirou com a ponta dos dedos. A bola ainda tocou no travessão antes de ir para escanteio. 

Aos 19′, Jefferson Maranhão fez boa jogada pela direita, levou ao fundo e rolou para Nunes. Ao receber o passe, o camisa 9 foi empurrado pelas costas, e o árbitro Sávio Sampaio marcou pênalti. Na cobrança, aos 21′, o próprio Nunes esbanjou tranquilidade e só rolou para o meio do gol, ampliando o marcador para o alviverde.

Nunes quase marcou mais um aos 34′. Após levantamento de Luquinhas, o centroavante cabeceou firme, mas o goleiro Diogo salvou o Taguatinga. No contra-ataque, Léo Veloso disparou pela esquerda. O atacante tinha Lucas Victor sozinho do outro lado, mas preferiu arrematar a gol e desperdiçou a chance.

Brilha, Tarta!

Aos 11′, Tarta mostrou porque é um dos atletas preferidos da torcida. Em cobrança de falta na entrada da área, o camisa 8 bateu no canto do goleiro Diogo e estufou as redes do Taguatinga, fazendo o segundo dele e o terceiro do alviverde.

Brilha, Acosta!

O Taguatinga, que demonstrava cansaço físico e pouco atacava, começou a surpreender assim que o veterano Acosta entrou em campo. Para começar, aos 24′, Douglas Rato cruzou e o centroavante completou para o gol, mas em posição irregular. O tento foi bem anulado pela arbitragem.

Aos 27′, no entanto, o Gama deu espaço e o Taguatinga aproveitou para diminuir. Júnior Alves desceu pela esquerda e cruzou para Acosta. Desta vez em posição legal, o renomado centroavante marcou seu primeiro gol com a camisa da Águia.

Aos 32′, Douglas Rato bateu escanteio. A bola passou por toda a zaga do Gama e encontrou Acosta no segundo pau para marcar mais um: Gama 3×2 Taguatinga.

Retomada

Sentindo a aproximação do adversário no Placar, o Gama tratou de mostrar quem manda e rapidamente se alinhou. No minuto seguinte ao gol do Taguatinga, Tarta cobrou falta e, após bate-rebate, Emerson meteu o pé na bola para fazer o quarto gol.

Aos 38′, Nunes descolou bom lançamento para Malaquias. O meia levou um tranco da zaga, mas ficou de pé e passou para Norton. Sozinho, o meia empurrou para as redes, fechando o marcador. Placar final: Gama 5×2 Taguatinga.

Destaques do jogo com dois gols cada, Tarta e Acosta falaram sobre a partida:

Na próxima rodada, o Gama vai a Sobradinho-DF enfrentar o clube da cidade no domingo (2), às 11h, no Augustinho Lima; o Taguatinga recebe o Brasiliense no mesmo horário, no Serejão.

FICHA TÉCNICA

Gama 5×2 Taguatinga

Campeonato Candango 2020 – 1ª rodada

Estádio Bezerrão, Gama-DF, 25/01/2020 – 16h

Árbitro: Sávio Sampaio

Assistentes 1 e 2: Leila Cruz e Daniel Henrique

Quarto árbitro: Alysson Zilse

Inspetor: Rodrigo Paulino

Público: 1377 presentes

Renda: R$ 23.870,00

Gama

Calaça; Gabriel, Emerson, Gustavo, Peu; Balotelli, Tarta, Esquerdinha (Malaquias); Jefferson Maranhão (David Souza), Luquinhas (Norton) e Nunes

Técnico: Vilson Tadei

Gols: Tarta (10′ – 1ºT), Nunes (19′ – 1ºT), Tarta (11′ 2ºT), Emerson (33′ 2ºT), Norton (38′, 2ºT)

Cartões amarelos: Tarta, Gustavo, Gabriel

Taguatinga

Diogo; Douglas Rato, Dogão, Jefferson, Denilson; Judvan, Regino, Marquinhos Paracatu (Júnior Alves); Lucas Victor (Igor Moura), Dan e Léo Veloso (Acosta). Técnico: Júnior Araújo

Gols: Acosta (27′ – 2ºT), Acosta (32′ – 2ºT)

Cartões amarelos: Regino, Lucas Victor

Willian Matos

Jornalista com experiência em redação, assessoria de imprensa, rádio e portais da web. Toca cavaco quando dá tempo. Tem a certeza que Rogério Ceni é melhor que Marcos. É editor-chefe do DF Sports+ desde maio de 2019

Willian Matos tem 225 posts e contando. Ver todos os posts de Willian Matos

Willian Matos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *