Real Brasília goleia, se reabilita e mantém vivo sonho da classificação

Na manhã deste domingo (5), União Mogi e Real Brasília entraram em campo pela segunda rodada da fase de grupos da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Ambas as equipes precisavam da vitória, pois foram derrotadas na partida de estreia (os donos da casa pelo Juventus e o Leão do Planalto pelo Grêmio). Mesmo com alguns sustos, o Real conseguiu impor o seu jogo e aplicou um sonoro 5 x 1 para cima da equipe paulista.

Primeira etapa 

O União Mogi começou bastante insinuante no campo de ataque, trocando passes em frente à defesa adversária e tentando levar perigo nas cobranças de escanteio, algo bem similar com a partida de estreia.

Aos 9 minutos, veio a primeira chance de gol para o Real. Araújo passou por três marcadores, mas acabou travado na hora da finalização.

A equipe do União continuava no campo de ataque, mas não conseguia aproveitar as oportunidades. Somente a partir dos 16 minutos a partida ganhou ares de equilíbrio.

Aos 22 minutos, em mais uma boa jogada de Araújo pelo lado esquerdo de ataque, o atacante se livrou da marcação e cruzou para Vinicius apenas escorar e abrir o placar para o Real.

O gol desestabilizou os donos da casa, que só voltaram a levar perigo aos 31’, em falta cobrada perto da grande área, mas que acabou sendo finalizada para fora.  

Aos 39’ o time da casa perdeu a chance de igualar o marcador em um cruzamento que encontrou o atacante da equipe paulista pronto para marcar, mas ele acabou escorregando na hora da finalização e perdeu a oportunidade.

Segunda etapa

Aos 11 minutos, o União conseguiu chegar ao empate com Mariano, em um chute indefensável na entrada da área. No lance seguinte ao gol, acabou formando-se uma pequena confusão no meio de campo, que ocasionou três expulsões – duas delas em desfavor da equipe paulista.

Com a vantagem numérica a seu favor, o Real chegou ao segundo gol aos 17’ com Gustavinho, após bate-rebate na área.

Mesmo bem postado defensivamente, o Real livrou-se de tomar o empate aos 25’ quando a trave foi companheira do goleiro João Victor e salvou o time candango.

Aos 29’ veio a coroação da excelente partida do atacante Araújo: Real 3 x 1. Aos 41’, Índio percebeu o goleiro do União adiantado e bateu para fazer um golaço. No minuto seguinte, Luan fez o quinto e decretou o resultado final da partida.

O Leão do Planalto volta a campo na próxima quarta-feira (8), às 14h45, diante da Juventus para decidir a classificação. O confronto terá transmissão da FPF TV e do SporTV.

FICHA TÉCNICA

UNIÃO MOGI 1 x 5 REAL BRASÍLIA

Copa São Paulo de Futebol Júnior – Fase de Grupos, segunda rodada

Estádio Municipal Francisco Ribeiro Nogueira – Mogi das Cruzes-SP – 05/01/2020, 8h45

Árbitro: Pablo Rodrigo Soares

A1: Paulo de Sousa Amaral 

A2: Alexandre Brasilio

Quarto árbitro: Luciano Silva

UNIÃO MOGI

Felipe; Lucas, Mizael, Ruan, Michel (Thiago de Paula), Danilo (Lincoln), Flávio (Thiago Magatão), Thiago Lopes, João Vinicius (Mariano), Loran e Bruno Vilela (Matheus). 

Técnico:

Gol: Mariano (11′ – 1ºT)

Cartões amarelos: Thiago Lopes, Loran, Mizael

Cartão vermelho: Lucas e Ruan

REAL BRASÍLIA

João Victor; Daniel (Wesley), João Afonso, Milani e Felipe (Murilo); Pedro Reis, Souto (Adryan), Índio e Gustavinho; Araújo (Luan) e Vinícius

Técnico: Gerson Ramos

Gols: Vinícius (22′ – 1ºT) Gustavinho (17′ – 2ºT), Araújo (29′ – 2ºT), Índio (42′ – 2ºT) e Luan (43′ – 2ºT)

Cartões amarelos: Índio, Vinícius, João Afonso

Cartão vermelho: Pedro Reis

Marcus Rodrigues

Estudante de jornalismo da Universidade Paulista (Unip). Estagiário do Metrópoles. Idealizador da página @capitaldabola_ no instagram.

Marcus Rodrigues tem 41 posts e contando. Ver todos os posts de Marcus Rodrigues

Marcus Rodrigues

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *