Na batalha de leões pela Copa Verde, Sobradinho leva a melhor sobre o Remo

Depois de uma classificação heroica diante do favoritíssimo Manaus, o Sobradinho desbancou na tarde desta terça (13) mais um time postulante ao título da Copa Verde e deu um grande passo rumo às quartas de final da competição. Pelo jogo de ida das oitavas, debaixo de um sol escaldante que fazia no estádio Abadião, o Leão da Serra venceu o selecionado alternativo do Remo, o Leão do Norte, pelo placar de 1×0. Agora, o alvinegro joga por um empate na volta, em Belém do Pará. O tento solitário da partida foi marcado por Carlos Henrique, aos 41 do segundo tempo.

A bola rolou com 15 minutos de atraso, devido ao policiamento que ainda não havia chegado às dependências do estádio. O jogo, mesmo movimentado, teve poucas chances criadas pelas duas equipes no primeiro tempo. O Leão da Serra foi quem assustou primeiro. Gilvan, aos quatro minutos, recebeu na entrada da área, mas acabou pegando mal na bola, que saiu pelo lado esquerdo da meta do Remo.

Gilvan teve mais uma chance em um bom contra-ataque armado aos 8’. O camisa 9 do Sobradinho chutou firme cruzado, mas o goleiro Alex Sandro estava esperto e agarrou com segurança.

Aos 20’, a equipe do Remo teve a chance de ouro para abrir o marcador. Zotti limpou a marcação e rolou pra Marcão, que sozinho, de frente para o gol, descolocou demais e a bola se perdeu pela linha de fundo.

Aos 34’, foi a vez da esquipe candanga desperdiçar uma ótima oportunidade. Wisman lançou Carlos Henrique em velocidade, que na entrada da área chutou por cima do gol.

No último lance da primeira etapa o Leão do Norte assustou mais uma vez. Após cobrança de lateral, Zotti recebeu sozinho na pequena área, mas girou mal e bateu fraco no meio do gol.

Equipes tentaram criar, mas as redes permaneceram intactas no primeiro tempo. Foto: Ricardo Botelho/DF Sports+

A qualidade do jogo diminuiu drasticamente na segunda etapa, mas o Sobradinho se manteve superior. Pedrinho, aos 14’, girou bonito e colocou a bola para tirar tinta da trave. Aos 16’, Carlos Henrique soltou o pé na cobrança de falta, mas Alex Sandro, bem posicionado no meio do gol, segurou.

Aos 28’, pintou a única boa chance do Remo no segundo ato de jogo. Depois de um escanteio, Dedeco subiu sozinho e testou no meio do gol, mas Léo estava lá pra fazer a defesa.

Com a superioridade do Leão da Serra na partida, o gol foi amadurecendo, e nos cinco minutos finais, ele aconteceu. Andrei Alba descolou um cruzamento açucarado para Carlos Henrique, que dominou e estufou a rede. 1×0 para o Sobradinho, que por pouco não saiu do Abadião com uma vantagem mais elástica. Aos 44’, a bola sobrou para Andrei Alba na pequena área. O camisa 17 chutou firme, mas a bola acabou balançando a rede pelo lado de fora.

Carlos Henrique (à esquerda) foi o autor do tento que dá vantagem ao Leão da Serra. Foto: Ricardo Botelho/DF Sports+

O Sobradinho volta a enfrentar o Remo na próxima quarta (21), no estádio Mangueirão, pelo jogo de volta da Copa Verde. Antes, o time paraense entra em campo nesta sexta (16), pela Série C, onde irá enfrentar o São José-RS, também no Mangueirão.

FICHA TÉCNICA

SOBRADINHO  1 x 0  REMO-PA

Copa Verde – Oitavas de final (jogo de ida)

Estádio Abadião – Ceilândia-DF – 13/08/2019, 15h

Árbitro: Felipe Duarte Varejão (ES)

A1: Paulo Peterson Rangel Casanova (ES)

A2: Ademar Júnior Borger (ES)

Quarto árbitro: Maguielson Lima Barbosa (DF)

SOBRADINHO

Léo; Dedê, Jailton, Igor João e Kabrine; Robinho (Geovane), Castro Júnior e Carlos Henrique; Dim (Pedrinho), Wisman (Andrei Alba) e Gilvan.

Técnico: Evilásio de Almeida

Gols: Carlos Henrique (41’ – 2º T)

Cartão amarelo: não houve

Cartão vermelho:  não houve

REMO

Thiago; Gabriel Cassimiro, Mimica, Cris e Daniel Vançam (Ronaell); Rafael Tufa, Dedeco e Zotti; Alex Sandro (Hélio), Marcos Assis (Emerson Carioca) e Wesley.

Técnico: Márcio Fernandes

Gol: não houve

Cartão amarelo: Mimica e Emerson Carioca

Cartão vermelho: não houve

André Gomes

Um apaixonado por esportes (com um carinho especial por futebol, basquete, surf e skate). Defende a ideia de que, por questões éticas, todo jornalista deve revelar o time que torce.

André Gomes tem 21 posts e contando. Ver todos os posts de André Gomes

André Gomes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *