Foto: Divulgação/Federação Aquática Paulista (FAP)

Mackenzie Brasília se destaca no 4º Open de Nado Artísitico de SP. Confira resultados:

O Nado Artístico do Colégio Presbiteriano Mackenzie Brasília (CPMB) alcançou grandes resultados na disputa do 4º Open de Nado Artístico, disputado entre os dias 27 e 30 de junho em São Paulo, no Clube paineira Morumby. As brasilienses subiram ao pódio em praticamente todas as modalidades disputadas. Com uma delegação formada por 31 atletas, sendo 19 delas estreantes em competições oficiais, as atletas de Brasília enfrentaram adversárias de três países além do Brasil: Chile, Uruguai e Estados Unidos. A disputa da competição faz parte da preparação para uma série de compromissos internacionais que serão realizados no segundo semestre de 2019.

O 4º Open contou com provas de Figura e Rotina Livre para as categorias Infantil (atletas nascidas a partir de 2007) e Juvenil (atletas nascidas nos anos de 2004, 2005 e 2006). As etapas de Rotina Livre e/ou Técnica (100%) foram para as competidoras das categorias Júnior (nascidas em 2001, 2002, 2003 e 2004) e Absoluto/Sênior (nascidas antes de 2005).

Mackenzie leva o DF ao pódio

Estreante em disputas oficiais, Joana Lemos ficou em 1º lugar na modalidade Solo e Sofia Franco alcançou a 3ª posição, ambas pela categoria Infantil Principiante. Laura Delfino e Bruna Alvarenga, disputando na categoria Dueto Infantil Principiante, alcançaram o lugar mais alto do pódio. A dupla chegou novamente à 1ª colocação, acompanhadas das atletas Luísa Buarque, Luísa Almendra, Rebeca Viana, Ana Rizza Couto, Isabela Ribeiro e Joana Lemos pela categoria Equipe Infantil. Pela mesma categoria Manuela Caio, Natália Borges, Júlia Santos, Rafaela Zanella e, novamente, Sofia Franco, ficaram com a vice-colocação.

Pela categoria Dueto Juvenil Principiante, Maria Fernanda Vital e Fernanda Caio ficaram em 1º lugar. E não perca as contas. Pela categoria Equipe Júnior Principiante, o título ficou nas mãos de Giulia Fusaro, Letícia Marianna Firmo, Constance Bukvar, Fernanda Caio e Ana Luiza Prata. Ana Clara Machado ficou em 2º no Solo da categoria Juvenil A, que conta com atletas com mais de cinco anos de experiência. Já a dupla formada pela mesma Ana Clara e Alice Tenório, terminou em 3º no dueto.

Simone Formiga, treinadora e professora de Educação Física do Mackenzie Brasília, celebra o resultado de Ana Clara Machado, destaque da competição: “A Ana foi a nossa atleta destaque da competição. O resultado foi muito surpreendente na modalidade “Figura”, que contou com 45 competidoras. Ela ficou atrás apenas do dueto campeão Sul-América, que é do Chile. A nota dela de figuras ficou praticamente empatada com a atleta chilena. E em “Rotina” ficou atrás apenas da atleta da seleção do Uruguai. Porém, quebrando a hegemonia e ganhando do Paineiras em casa”, comemora.

No Solo Técnico Júnior, Claudiane Alves ficou em 3º. Pelo Dueto Técnico Júnior, Yasmin Yamamoto acompanhou Claudiane e a dupla ficou em 5º. Formada por Claudiane, Yasmin, Jullya Magalhães, Ana Carolina Ferro, Catarina Ribeiro, Rafaela Gebrim, Ana Luiza Hooper, Vitória Diegues, Yara Testa e Luana Salvucci, a Equipe Técnica da categoria Júnior alcançou a medalha de prata. Ainda deu tempo de Jullya Magalhães conquistar a 3ª colocação do Solo Sênior Livre e Técnico e a dupla Ana Carolina Ferro e Vitória Diegues ficarem com a prata no Dueto Sênior Livre. Um 5º lugar foi alcançado pelas atletas na Rotina Combinada.

Por fim, na classificação geral da competição, o CPMB ficou na 2ª posição, atrás das donas da casa. As brasilienses somaram 46 pontos, três a menos que as mandantes. O 3º lugar foi ocupado por Santa Mônica, com 39 pontos. As brasilienses foram campeãs da categoria principiante.

“Estou muito feliz com a participação de todas as atletas na competição. Elas realmente superaram as nossas expectativas e o que a gente almejava alcançar de nota, alcançamos e superamos. Agora, é focar nos campeonatos internacionais, com muito treino”, ponderou Formiga. 

Segue a rotina de treinamentos

Como informado, o 4º Open de Nado Artístico faz parte da preparação do Mackenzie para outras competições da agenda da equipe. Esta foi a primeira disputa fora de Brasília que a equipe participou. Agora, o foco é o Panamericano, que será realizado em Windsor, no Canadá, em agosto. Depois a equipe disputará a Copa España, realizada no Chile, e o Argentina Open. Ambas ocorrerão no mês de outubro.

A equipe seguiu à risca uma importante rotina de treinamentos para alcançar o excelente resultado obtido em território paulista, treinamentos estes que seguirão firmes para o restante da temporada. São 14 horas de treinamentos semanais, divididos por cinco dias. De segunda a quinta-feira, as atletas treinam por duas horas e meia. Aos sábados, quatro horas são dedicadas à modalidade, com exercícios de 8h às 12h: “São treinamentos focados em flexibilidade, base de natação e movimentos específicos, além de praticarmos as coreografias que usamos nos campeonatos. Essa agenda é sempre cumprida, exceto nas ocasiões de simulados para o vestibular, que usualmente acontecem aos sábados. Porém, se a prova for pela manhã, treinamos à tarde. Se a prova for pela tarde, treinamos pela manhã, mas com horário reduzido para duas horas de treino”, informa a treinadora.

DF Sports+

Mais Esporte, Mais Informação

DF Sports+ tem 348 posts e contando. Ver todos os posts de DF Sports+

DF Sports+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *