Copa Legends: organização decide manter Gama e River Plate-URU, mas cria quartas-de-final às pressas

O que era para ser uma competição amistosa, com o intuito de reunir grandes craques do futebol brasileiro e internacional em um evento para os amantes do futebol, acabou se tornando desorganizado e caótico nos bastidores. A princípio, como divulgado pelo DF Sports+, o Gama havia sido punido pela organização da Copa Internacional de Futebol Legends pela escalação irregular do jogador Cassius Loquigen Lima Santos. O atleta marcou dois dos três gols da vitória do alviverde por 3 a 1 sobre o Fluminense e, após entrevista concedida à FOX Sports, Cassius confessou nunca ter defendido o Gama profissionalmente. O Fluminense entrou com recurso por este motivo e a vitória, antes do clube de Brasília, passou a ser o tricolor carioca, pelo placar de 1 x 0.

Contudo, nesta sexta-feira (21), a tabela da competição sofreu mudanças. Com o intuito de resolver o imbróglio entre as equipes, uma fase de quartas-de-final foi criada. Anteriormente, o regulamento previa que após o término da primeira fase, as quatro equipes classificadas rumaria para as semifinais, onde decidiriam quem faria a grande final do torneio. Com a decisão, Gama, Fluminense, River Plate-URU e Flamengo se enfrentarão no sábado (22) em confrontos válidos pelas quartas-de-final.

Devido às mudanças, a tabela da Copa Internacional de Futebol Legends sofreu alterações. A semifinal, que antes seria disputada no sábado, passou para o domingo (23). A grande final será disputada na segunda-feira (24). Os cariocas Botafogo e Vasco, seguem classificados para as semifinais. Eles esperam os vencedores dos confrontos entre Fluminense x Gama (semifinal 1) e Flamengo x River Plate (semifinal 2), respectivamente.

Gama cobra posicionamento

Antes da divulgação da nova fase criada na competição, a Sociedade Esportiva do Gama divulgou em seu site oficial um ofício assinado pelo presidente Weber Magalhães. No documento, o dirigente questiona os motivos da perda de pontos em que a equipe foi submetida, uma vez que o regulamento do torneio não prevê punição tão severa. Além disso, o clube solicita na nota a aplicação do Código Brasileiro de Justiça Desportiva da Conmebol e do Código Disciplinar da Fifa.

O ofício é finalizado apontando outro jogadores, inclusive do Fluminense, que nunca atuaram profissionalmente pelos clubes em que defendem na Copa Internacional de Futebol Legends. É o caso de Recoba, que defende o River Plate-URU mesmo sem ter jogado pela equipe durante sua carreira e Alex Peruca e Marcelo Cardoso, do próprio Fluminense, que nunca defenderam o time das laranjeiras.

Datas dos novos confrontos

Quartas-de-final

Sábado (22/06)

Confronto 1: Fluminense x Gama, 19h

Confronto 2: Flamengo x River Plate-URU, 20h30

Semifinais

Domingo (23/06)

Botafogo x vencedor do Confronto 1, 19h30

Vasco x vencedor do Confronto 2, 19h30

Final

Segunda-feira (24/06)

DF Sports+

Mais Esporte, Mais Informação

DF Sports+ tem 348 posts e contando. Ver todos os posts de DF Sports+

DF Sports+

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *