Paracatu desbanca Brasiliense e reverte vantagem do rival

Paracatu e Brasiliense voltaram a se enfrentar no estádio Frei Norberto, desta vez pela partida de ida das semifinais do Campeonato Candango de 2019. Ao contrário do jogo entre ambos realizado na primeira fase, a Águia do Noroeste se deu bem e venceu o visitante por 1×0.

Com o resultado, o Paracatu joga pelo empate no jogo de volta marcado para o próximo domingo no estádio Abadião. Já o Jacaré precisa de uma vitória simples para avançar à final.

Paracatu pressiona

O Brasiliense veio à campo para o Frei Norberto com quatro modificações em relação ao time que venceu o Capital. Saíram o zagueiro Wallace, o volante Geovane, e os atacantes Vitor Mariano e Romarinho para as entradas de Welton Felipe, Radamés, Peninha e Reinaldo. Já o Paracatu não fez alterações e contou com a presença maciça da torcida a seu favor.

Quando a bola rolou, o que se viu foi o Paracatu dominando o jogo e o Brasiliense recuado em seu campo de defesa. Com apenas quatro minutos de jogo, Danilo Itaporanga recebeu bola pela esquerda, puxou para o meio e soltou a bomba de direita tirando tinta do travessão de Edmar Sucuri.

Aos 13′, Davi fez grande jogada jogada pela direita e cruzou para a área. Richely emendou um voleio, mas a bola saiu por cima do gol. Apenas três minutos depois, Diego Nogueira arriscou um chute de fora da área, a bola foi quicando e Edmar Sucuri teve muitas dificuldades para defender.

Com o Brasiliense não se encontrando em campo, o Paracatu encontrou a oportunidade para abrir o placar. Aos 44′, Richely arrancou pela direita e chutou rasteiro. Sucuri deu rebote e Leandro Aguiar bem colocado chutou rasteiro para o fundo das redes do adversário.

O Brasiliense veio com outra atitude no segundo tempo. O time amarelo começou dominando o jogo e de forma desordenada buscava o gol de empate. Mas quem chegou mais perto do segundo gol foi o Paracatu. Aos 15′, Danilo Itaporanga cobrou falta pela direita e Sucuri precisou se esticar todo para praticar a defesa.

A partir daí os treinadores começaram a fazer substituições. O Jacaré pecava na última bola e não ofereceu perigo ao goleiro Gabriel. No apagar das luzes por pouco o Paracatu não ampliou o placar. Aos 46′, Diego Nogueira escorou um cruzamento da direita e a bola caprichosamente saiu por cima.

Brasiliense e Paracatu voltam a se encontrar no próximo domingo (7) às 15:30 no estádio Abadião. Quem passar dessa fase estará automaticamente classificado para a Copa do Brasil, Copa Verde e Campeonato Brasileiro da Série D em 2020.

FICHA TÉCNICA

PARACATU 1×0 BRASILIENSE

Campeonato Candango – Semifinal (Partida de Ida)

Estádio Frei Norberto – Paracatu – MG – 03/04/2019 – 20h

Público: 3.618 pagantes

Renda: R$ 12.600,00

Árbitro:  Gildevan Lacerda

 A1: Luciano Benevides

A2: Lucas Modesto

Quatro árbitro: Marcos Antônio

Inspetor: Jorge André

Analista de Campo: Cleiton Pereira

PARACATU

Gabriel; Henrique, Breno, Hicaro e Danilo Itaporanga; Acerola, David Manteiga, Diego Nogueira (Batata) e Richely (Igor Pato); Davi e Leandro Aguiar.

Técnico: Buião

Gol: Leandro Aguiar (44′ – 1º T);

Cartões Amarelos: Leandro Aguiar;

Cartões Vermelhos: Não Houve

BRASILIENSE

Edmar Sucuri; Alex Murici, Welton Felipe, Badhuga e Gleissinho; Radamés, Emerson Martins, Peninha (Erick Flores) e Morais (Almir); Maikon Leite e Reinaldo (Romarinho).

Técnico: Adelson de Almeida

Gol:  Não Houve

Cartões Amarelos: Emerson Martins

Cartões Vermelhos: Não Houve

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2524 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *