Conheça o brasiliense Rodrigo Gomes “Rodé”, faixa preta de jiu-jitsu

São duas décadas de dedicação, empenho, dor, lágrimas, alegria e muitas conquistas no jiu-jitsu. Isso é um pequeno resumo da vida do casca-grossa brasiliense Rodrigo Gomes, mais como “Rodé” no mundo da luta. O faixa preta da equipe Gracie Barra contou ao DF Sports como foram seus primeiros passos dentro do esporte: “Comecei a treinar jiu-jitsu quando eu tinha 16 anos na academia Dalmo Ribeiro com os professores Fabio Costa e Alexandre “Dande”, recordou.

O convite e incentivo para entrar no esporte veio de um amigo de infância, Nielsen Nunes, mais conhecido como “Grilo”. Rodrigo então tomou gosto pela luta e viu que tinha um talento nato, algo que futuramente seria comprovado dado o seu vasto currículo de medalhas. Dos principais títulos do lutador estão o terceiro lugar no mundial, ouro no Brasileiro, 16 vezes campeão brasiliense, octacampeão centro-oeste, primeiro lugar do Miami Open, ouro no Salvador Open, e muitos outros.

Rodé, que há 13 anos é faixa preta, vem desenvolvendo um nobre e reconhecido trabalho em prol do jiu-jitsu. Ele é o líder de uma das filias da sua equipe, na cidade do Cruzeiro. E os frutos vem sendo colhidos a cada dia. Grandes atletas que estão no cenário nacional do esporte são alunos do Rodé:” Hoje o que me trás motivação é ver meus alunos crescendo no jiu-jitsu, conquistando títulos e também virando cidadãos de bem e caráter”, frisou.

O lutador também vem mantendo vivo o legado da sua equipe. O lema dentro da Gracie Barra é jiu-jitsu para todos. “Aqui na academia nós ensinamos o jiu-jitsu para todos os públicos, mulheres, crianças, pessoas que querem aprender por hobbie ou defesa pessoal e também manter a forma física”, disse Rodé.

O atleta acredita que o esporte tem o poder de salvar as vidas das pessoas e mudar o destino delas e ele foi um dos que viu sua vida totalmente transformada através do jiu-jitsu. Com personalidade forte, Rodé é visto como paizão entre seus alunos, um exemplo e espelho para muitos. Ele, que ama lutar e está sempre “botando a cara no campeonatos”, espera continuar aumentando seu vasto currículo de vitórias: ” Sempre fui muito competitivo. Faço o que mais amo lutar jiu-jitsu”, disse o lutador.

Quem é de Brasília e está infiltrado no universo da arte suave conhece Rodé e sua escola. Nos últimos quatro anos, a Gracie Barra Cruzeiro vem mandando muito bem, graças ao estilo, ensinamentos e disposição de Rodrigo Rodé.

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2616 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Um comentário em “Conheça o brasiliense Rodrigo Gomes “Rodé”, faixa preta de jiu-jitsu

  • Avatar
    14 de fevereiro de 2019 em 10:32
    Permalink

    Muito bom professor!!
    Parabéns!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *