BRB/Brasília perde em casa para o Curitiba pela Superliga

Na busca pela vaga dos playoffs na Superliga Cimed Feminina 2018/2019 o BRB Brasília perde para Curitiba Vôlei, por 3 a 0. A partida aconteceu nesta terça-feira (5) no ginásio do SESI de Taguatinga-DF. Os sets ficaram em 25-15/ 25-17 / 25-19. O resultado classifica o Curitiba para o 7º lugar e deixa o Brasília  correndo o risco da desclassificação. 

O jogo:

Com o primeiro set bastante equilibrado, há quem apostasse em um resultado diferente.  Os dois adversários diretos  iniciaram com bastante garra, o time do Curitiba que chegou mostrando que estava ali para ganhar, após derrotas nas partidas anteriores da competição, iniciou a parcial, porém não muito atrás o time Candango reagiu e se manteve com placar próximo. Mas, com muita pressão dos visitantes, o Brasília não aguentou e mesmo com dois tempos, o Curitiba Vôlei marcou os últimos pontos do set,  fechando com parcial de 25 a 15 aos 22’.

Já no segundo set da partida o Brasília chegou com tudo na área do bloqueio marcando pra cima das meninas do Curitiba, conseguindo se manter nos primeiros minutos da rodada, porém, aos 9’ o time de Curitiba alcançou e disparou no placar. E apesar da defesa incrível da jogadora do Bsb, Renata, camisa 6, que chegou a defender a bola, caindo para fora da quadra, não foi o suficiente para derrubar a defesa impecável do adversário que terminou o período marcando ponto e fechado o set em 25 a 17.

Com terceiro e último set acirrado, as visitantes se depararam com muito ataque do BRB/Brasília, mas não o suficiente para a defesa formada pela equipe, que levantava muita bola, sem deixar cair, destruindo as tentativas do time, que mesmo com a ajuda da torcida não conseguiu fechar nenhum set. O jogo terminou aos 27’ com 25 a 19, mandando o time do Curitiba feliz pra casa. 

O treinador do BRB/Brasília Vôlei, Inácio Júnior, falou sobre a derrota e reconheceu que o time não atuou da forma ideal “Não conseguimos apresentar o que a gente tinha vindo treinando, que a gente tinha feito no último jogo, hoje nada deu certo”. O  Brasília que veio de uma partida positiva  contra o Praia, e estava apostando na vitória desta terça-feira, deixou a desejar em sua performance, mas o treinador, Inácio Jr., afirma que está preparado para motivar a equipe para os próximos sete jogos da liga. “ Vai ser difícil, mas a gente não pode começar a entrar em desespero… Tem que trabalhar como eu sempre falo todos os dias, a gente tem que trabalhar pra buscar a nossa evolução, que ainda está oscilando muito, cheia de altos e baixos.” 

Em entrevista, a jogadora Mimi Sosa, também explicou sua perspectiva sobre a derrota e afirma que a pressão de ter que ganhar do Curitiba pode ter influenciado no resultado da partida “Acho que a gente não fez o que a gente veio treinando a semana toda, acho que a gente não conseguiu  jogar com pressão… porque a gente pensou, a gente tem que ganhar e quando a gente pensa assim a gente não joga bem.”

E não o bastante ganhar o jogo, o Curitiba Vôlei levou também com a sua jogadora camisa 6, Ana Cristina, o prêmio Viva Vôlei, porém ela afirmou que apesar de ser o primeiro prêmio nessa temporada, o mais importante foi a vitória da noite em cima do BRB Brasília Vôlei. Uma vez que o time vinha de seis partidas sem vitórias.   “O mais importante pra mim foi a vitória, a gente precisava reencontrar a vitória porque começamos bem o primeiro turno e depois pegamos todas as pedreiras e perdemos o último jogo em Camboriú, então o objetivo era a vitória, eu fico muito feliz pelo prêmio, mas eu acho que nada é feito sozinho, então feliz pela equipe, feliz  pela retomada.”

O próximo jogo do BRB Brasília Vôlei será contra o Camboriú.  E dia 8, sexta-feira, o Curitiba Vôlei encara o São Caetano.


Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2616 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *