Sem vida fácil, Gama supera Ceilandense em amistoso

Na tarde deste sábado, sob comando do técnico Vilson Tadei, O Gama enfrentou o Ceilandense em seu Centro de Treinamento, Ninho do Periquito, no penúltimo amistoso antes do início do Candangão 2019 diante do Bolamense.

A partida começou com o Ceilandense em busca do gol mas sem êxito. Em contra-ataque rápido pela direta, o Gama chegou com Gilsinho, que cruzou na pequena área e por pouco o perigoso Nunes não abriu o marcador. O time alviverde subiu a marcação, pressionando a saída de bola do adversário. Para fugir da marcação, o dragão foi forçado a fazer ligação direta entre defesa e ataque, facilitando a vida dos zagueiros Lucio e Emerson.

O Alviverde então tomou de conta da partida, tendo mais posse de bola e com jogadas rápidas pelos flancos, porém pecava na hora da finalização. Em uma das poucas chances de chegar ao ataque, o Ceilandense quase abriu o placar mas Emerson salvou o time e tirou a bola em baixo das traves. No final da etapa complementar, Nunes deixou o campo machucado e foi substituído por Betinho. O atacante teve um estiramento no músculo da coxa. A equipe médica alviverde está avaliando a gravidade da lesão.

No segundo tempo, todo o elenco do Gama foi substituído, exceto pelo goleiro Rodrigo Calaça. A partida recomeça com o Periquito pressionando a saída de bola do Ceilandense, tanto que aos três minutos, o volante Vagner Balotelli chutou de fora da área, forçando o goleiro adversário espalmar para escanteio. 

O time alviverde continua com mais posse de bola e troca passes no meio de campo, procurando uma brecha nas duas linhas defensiva adversária. Aos nove minutos, após receber passe de cabeça, Wisman toca para o gol, porém o bandeirinha sinaliza impedimento. Cinco minutos depois, Tavares cruzou na medida para o próprio Wisman chutar na trave.

O Gama continuava com mais posse de bola e presença no campo de ataque, contudo, faltava capricho na finalização. O atacante Wisman realizou rápida jogada pelo lado esquerdo e só foi parado com falta. O juiz marcou pênalti, que foi convertido por Betinho. 1×0, resultado final.

Satisfeito com o rendimento do time, Vilson Tadei afirmou. “Acho que a equipe fez um jogo bom, pois criaram oito, nove ou dez chances de gol, mas a bola não quis entrar. Já no segundo tempo com a equipe toda modificada, também criou oportunidades de gols e não deu chance para o adversário chegar. Esse é o reflexo que vamos encontrar durante o campeonato. Precisamos tirar um pouco dessa ansiedade dos jogadores e ser um pouco mais objetivo”.

A próxima partida do Gama será outro amistoso contra o Taguatinga, no Bezerrão, às 17h. Valor do ingresso a definir pela diretoria.

FICHA TÉCNICA – JOGO-TREINO

Sábado – 12/01/2019/ – 17h – CT Ninho do Periquito

GAMA 1 x 0 Ceilandense

GAMA: Rodrigo Calaça (Bismarck), Alex Santos (Felipe Tavares), Emerson (João Paulo), Lúcio (Gustavo), Mário Henrique (Cleidson); Tarta (Lucas Dias), Gilsinho (Wagner), Norton (Wisman); Jeferson Maranhão (Wanderson), Vitor Xavier (Júlio César) e Nunes (Betinho).

Técnico: Vilson Tadei.



Por João Vilagran e Pedro Breganholi

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2843 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *