Com um time de desfalques, Brasiliense vence amistoso com Juniores do Vila Nova-GO

A bola rolou na tarde desta sexta-feira (14) no Centro de Treinamento do Brasiliense. Em preparação para a temporada 2019, o Jacaré recebeu a equipe sub-20 do Vila Nova-GO no segundo amistoso realizado até o momento (no primeiro diante do Brasília, vitória por 6×0). Após os noventa minutos, deu vitória do Brasiliense por 2×1.

O técnico Adelson de Almeida teve praticamente um time inteiro de desfalques para o jogo. Não puderam atuar Wellington Saci, Lúcio, Reinaldo, Paulinho, Jobson, Welton Felipe, Morais, Aldo, Gabriel e Dudu por motivos diversos. O time do Brasiliense entrou com Edmar Sucuri; Alex Murici, Wallace, Badhuga e Gleicinho; Radamés, Geovani e Emerson Martins; Erick Flores, Romarinho e Gilvan. Com poucos minutos de bola rolando, Erick Flores acabou sentindo uma dividida de bola e acabou deixando o campo mais cedo, entrando Mirandinha no seu lugar.

Mais incisivo em campo, o Brasiliense teve a primeira oportunidade de abrir o placa aos 12 minutos quando Romarinho arriscou de fora da área assustando o goleiro rival. Dois minutos depois foi a vez de Emerson Martins receber passe pela direita e chutar rasteiro, tirando tinta da trave. A resposta viria aos 16 quando o meia Baiano fez boa jogada de linha de fundo e Barbosa cabeceou por cima do gol de Sucuri.

Aos 43′ o Brasiliense abriu o placar. Gilvan recebeu passe dentro da área e quando foi chutar acabou puxado pela zaga. Romarinho bateu no canto e converteu.

Foto: Marcelo Gonçalo

No segundo tempo o técnico do Jacaré promoveu diversas alterações Saíram Edmar Sucuri, Alex Murici, Badhuga, Radamés, Mirandinha, Gilvan e Romarinho para as entradas de Felipe, Patrick, Preto Costa, Cabralzinho, Fabinho, Michel Platini e Peninha. O Vila Nova quase empata ao seis minutos de jogo. Erick bateu falta colocada e Felipe espalmou para a linha de fundo.

Aos quinze o time visitante empatou. Cruzamento na área, a zaga afastou mal e a bola Erick conseguiu roubara bola e chutar rasteiro, sem chances para Felipe. O Brasiliense voltou a ficar em vantagem apenas oito minutos depois. Após lançamento do meio de campo, Cabralzinho dominou e acabou sendo derrubado por Luisão. Platini bateu e recolocou o Jacaré em vantagem.

Aos 34 o Vila Nova teve um jogador expulso após jogada desleal. No último lance de emoção, Anderson recebeu cruzamento na área e chutou por cima do gol. Após o jogo o técnico Adelson de Almeida avaliou de forma positiva o seu segundo teste: “Nesse início de trabalho estamos em formação da equipe, e focamos muito na defesa ainda. Primeiro a gente ajeita a cozinha e depois o meio de campo e o ataque. Defensivamente nos consolidamos, achamos nosso jeito de jogar Acho que no nosso próximo teste contra o Legião a gente já pode dar mais um passo à frente. Infelizmente pela ausência de vários jogadores eu fui obrigado a repetir a escalação do último jogo, até para privilegiar quem está trabalhando desde o início. Daqui para a frente é encontrar o equilíbrio em todos os setores” disse.

O próximo amistoso do Brasiliense está marcado para a próxima quarta-feira (19) diante da equipe sub-20 do Legião, novamente no CT do Brasiliense.

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2590 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *