Equipe do DF participa de competição de futsal no Piauí

A Associação Atlética Desportiva de Brasília, ou simplesmente Brasília Futsal, disputará a XLV Taça Brasil de Futsal em junho, na capital piauiense, Teresina. A equipe garantiu acesso à tradicional competição depois de ter alcançado o terceiro lugar no Campeonato Brasiliense da modalidade em 2017. Como a AABB/UPIS, campeã do certame, e o Cresspom/Mauá, vice-campeão, desistiram da participação, coube ao Brasília Futsal/Icesp representar a capital federal em um dos maiores eventos da modalidade no Brasil.

Mas a caminhada do Brasília Futsal até aqui foi longa, como conta Tiago Fernandes de Faria, fundador e presidente da equipe. À equipe do DF Sports, Tiago explica que sua história no esporte é “recheada de superação e garra e nem sempre foi cercada de vitórias e bons momentos”, ressaltou.

Aos seis anos de idade, Tiago iniciou a prática do futebol de campo na escolinha de futebol Paulinho Brasília, na cidade de João Pinheiro-MG. Atuou contra algumas equipes de base de tradicionais clubes do Brasil como Cruzeiro, Atlético-MG, Atlético-GO e America-MG, entre várias outras. Quando estava com 13 anos, a vida do menino nascido na cidade de Campinorte-GO mudaria para sempre. Um acidente de carro tirou a vida de dois primos e o deixou em coma por seis dias, 22 internado, além de ter perdido 95% da visão de seu olho direito.

Depois de mais de 13 meses de tratamento, o jovem Tiago entrou em depressão devido ao tempo longe dos gramados e o rumo que sua vida havia tomado. Para ajudá-lo, seu antigo treinador, Paulinho Brasília, que já atuou no futebol candango, o convidou para integrar, novamente, a sua equipe de futebol. Tiago atuou pelo clube por mais alguns meses e encerrou sua caminhada no futebol como atleta em uma partida contra o Atlético Goianiense.

Completados 15 anos, ele desembarcou em Brasília para o início de uma nova vida, onde moraria em Vicente Pires. Depois de seis meses, juntamente de sua família, se mudaram para Águas Claras, onde seus pais residem até hoje. Aos 19, Tiago começou a promover eventos na capital federal e atuou por três anos seguidos como voluntário no Comitê Olímpico Brasileiro (COB), trabalhando pela delegação do Acre nos Jogos Escolares de 2005 e nos Jogos Universitários de 2006, além dos Jogos Pan Americanos de 2007, no Rio de Janeiro.

Essas experiências esportivas, somadas ao passado com o futebol, despertaram em Tiago a necessidade de fundar uma equipe esportiva. O resultado veio no dia 26 de maio de 2006. Nascia ali, em parceria com o Corpo de Bombeiros do Riacho Fundo, a Escolinha de Futsal Minas Esporte Clube. Em pouco tempo, a equipe começou a construir sua fama, conquistando títulos e vitórias importantes pelas quadras da cidade.

Após um certo período atuando com o nome de Minas Esporte Clube, Tiago rebatizou a equipe para Riacho Fundo Esporte Clube, com o intuito de haver a identificação do clube com a sua cidade de origem, além de também disputar campeonatos profissionais da modalidade. Carregando a alcunha da Região Administrativa, o Riacho Fundo passou a conquistar títulos de maior expressão e sua notoriedade se estendeu ainda mais por Brasília. A partir de 2008, a equipe filiou-se à FEBRASA (Federação Brasiliense de Futebol de Salão), e desde então o desempenho foi sempre melhorando.

Hoje, atuando com o nome fantasia de Brasília Futsal/Icesp, graças à parceria firmada com a instituição de ensino em 2015, a equipe de Tiago é uma das mais fortes e competitivas de Brasília. Com o recente acesso à Taça Brasil de Futsal, Tiago conta com nítida alegria nas palavras que o seu sonho é vivido através do sonho de seus jovens atletas.

“Hoje tudo que faço no Brasília Futsal é sonhar os sonhos dos meus atletas, para que eles que possam ter uma oportunidade na vida através dos estudos e com o futsal, para que tenham a oportunidade de valorizar a nossa capital do esporte e até mesmo ter uma qualidade de vida”, revelou.

A equipe, que atua das categorias de base, a partir dos seis anos, até o profissional, é muito mais do que uma agremiação esportiva ou um clube de futebol de salão. Tiago revela que o Brasília Futsal está envolvido também com projetos sociais que ajudam crianças e adolescentes na luta contra o vício nas drogas. “Nós tiramos atletas das drogas e do caminho errado. Temos um projeto social de futsal, que é realizado na cidade do Riacho Fundo II. O projeto chama-se ‘Viva pelo esporte e não morra pelas drogas’, onde fazemos atendimento nos treinos nas terças e quintas, nos turnos matutino e vespertino. Estamos com cerca de 80 crianças de cinco aos 17 anos.”, explica.

O presidente fala ainda que o objetivo da equipe é tornar novamente o nome da capital federal respeitado pelos campeonatos de futsal promovidos pela CBFS. “O nosso intuito com o Brasília Futsal é representar muito bem a capital federal, pois Brasília há anos não possui uma equipe representante nos certames da CBFS”.

Além disso, o dirigente conta que a equipe treina para ser campeã no nordeste. “Estamos trabalhando firme e forte para que possamos sair de Teresina com o título. Claro, sempre mantendo os pés no chão, com humildade, trabalho, dedicação e a união de todos para que possamos sair de lá com a vitória”, ressalta Tiago.

O presidente explica também, que o objetivo do Brasília Futsal para os próximos anos é alcançar a Liga Nacional de Futsal (LNF). “Estamos trabalhando para esse objetivo”, conclui.

Na competição que se inicia em junho, o Brasília Futsal/Icesp está no Grupo A, ao lado do Associação Desportiva do Colégio Militar Tiradentes (MA); Associação Dal Molin de Futsal (RO); Porto Esporte Clube – PEC (TO) e Clube Campo Largo Futsal (PI), sendo que os brasilienses enfrentarão na primeira rodada, dia 10/06, o Tiradentes/MA.

Por Gabriel Felipe

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2808 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *