DF Sports apresenta ranking atualizado do futebol candango

O DF Sports apresenta o Ranking do Futebol Candango. A fórmula é baseada na usada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no Ranking Nacional de Clubes (RNC), que, para efeito de pontuação, considera os cinco últimos anos de disputa – para o nosso ranking, considerando as duas divisões do Distrito Federal.

Em primeiro lugar, para esclarecimento ao leitor, confira como é a pontuação dentro das competições locais:

       1ª Divisão                          2ª Divisão

Colocação

Pontuação

Colocação

Pontuação

800

400

640

320

600

300

560

280

552

276

544

272

536

268

528

264

520

260

10º

512

10º

256

11º

504

11º

252

12º

496

12º

248

Confira a fórmula de cálculo da pontuação:

Ano vigente (2018) – x5

Ano imediatamente anterior (2017) – x4

Ano anterior (2016) – x3

Ano anterior (2015) – x2

Ano anterior (2014) – x1

* Bônus a aplicar: 400 pontos para o campeão do Campeonato Brasileiro da Série D; 280 para o acesso à Série C; 280 para o título de campeão da Copa Verde ou clube que chegue a fase 4 da Copa do Brasil (com pontuação dobrada a cada fase avançada daí em diante);

* a pontuação máxima de cada série representa o dobro da pontuação da Série inferior;

* a pontuação do clube vice-campeão de uma série é sempre 80% da pontuação do campeão;

* a pontuação dos terceiros e quartos lugares de uma série é sempre, respectivamente, 75% e 70% da pontuação do campeão.

Tabela atualizada

Ao final do Candangão 2018, nosso site elaborou um ranking provisório, considerado a pontuação dessa edição do campeonato. Os clubes da Segunda Divisão não foram incluídos, com exceção daqueles que mesmo não disputando a divisão principal do Candangão, ficaram à frente de clubes da Primeira Divisão. Porém, para efeito de comparação, apresentamos também o Ranking do Futebol Candango de 2017.

Ranking do Futebol Candango – 2017

CLASSIFICAÇÃO

CLUBES

PONTUAÇÃO

BRASILIENSE

10200

LUZIÂNIA

9640

BRASÍLIA

9128

CEILÂNDIA

9088

GAMA

9064

SOBRADINHO

8192

SANTA MARIA

7776

FORMOSA

7720

PARACATU

6760

10º

CRUZEIRO-DF

5824

11º

TAGUATINGA

5760

12º

PARANOÁ

5640

13º

CEILANDENSE

5468

14º

BOTAFOGO-DF

4368

15º

BOLAMENSE

4200

16º

CFZ BRASÍLIA

3752

17º

BRAZLÂNDIA

3688

18º

LEGIÃO

3636

19º

CAPITAL

3632

20º

PLANALTINA-DF

3452

21º

PLANALTINA-GO

2976

22º

CR GUARÁ

2684

23º

REAL

2680

24º

DOM PEDRO

2612

25º

SAMAMBAIA

2400

26º

UNAÍ

1616

27º

CA BANDEIRANTE

816

Ranking do Futebol Candango (Provisório) – 2018

CLASSIFICAÇÃO

CLUBES

PONTUAÇÃO

BRASILIENSE

10000

SOBRADINHO

9612

LUZIÂNIA

9432

CEILÂNDIA

8920

GAMA

8800

PARACATU

8112

FORMOSA

7944

SANTA MARIA

7896

PARANOÁ

6428

10º

BRASÍLIA

5872

11º

BOLAMENSE

5616

12º

REAL

4824

13º

TAGUATINGA

4344

14º

SAMAMBAIA

4160

Confira algumas observações:

* Para pontuação, não foi agregado as campanhas do C. A. Bandeirante às campanhas do C. A. Taguatinga;

* não foi considerado a campanha do Dom Pedro na Segunda Divisão de 2016 à pontuação do Real, já que a mudança de nome foi anunciada oficialmente após o final da competição;

* em 2014 o Paracatu teve de atuar com o nome Unaí/Paracatu, mas a mudança de nome foi anunciada oficialmente em outubro de 2013, por isso a campanha de 2014 foi considerada para pontuação do Paracatu no ranking.

Jácaré líder do ranking

O Brasiliense, apesar do vice-campeonato, manteve a liderança do ranking. O tricampeonato do Sobradinho lhe rendeu um disparo do 6º, para o 2º lugar, tomando a posição do Luziânia. O azulino caiu para a 3ª posição graças a queda do Brasília – rebaixado em 2017. O colorado disputará a segundinha esse ano e, por isso, caiu do 3º para o 10º lugar. Outro rebaixado em 2017, o Taguatinga ficou à frente do Samambaia.

No Candangão e no ranking, o Gama se estabilizou na 5ª posição, cravando dois anos seguidos com o mesmo lugar. O Ceilândia, outro que manteve sua posição no ranking – quarto lugar –, teve boas campanhas nos últimos três anos, mas as campanhas irregulares de 2014 e 2015 mantiveram o Gato Preto fora do pódio, apesar disso a equipe pode assumir a liderança ainda em 2018, para isso precisaria de um acesso à Série C, sem que o Brasiliense suba também.

Os estreantes deram um belo salto no ranking, principalmente o Samambaia, que saiu do 25º para o 14º lugar, já o Bolamense, estreante na Série A do Candangão, fez uma campanha surpreendente e saiu do 15º para o 11º lugar. O Real foi mais um a ganhar várias posições, mas por outro motivo: é apenas o segundo ano de pontuação na história do time – o salto foi do 23º para o 12º lugar.

Ao final de 2018, o ranking ficará com 26 clubes, já que, para efeito de pontuação, será desconsiderada a campanha do Unaí em 2013 – última da equipe mineira antes da mudança de nome para Paracatu F. C.

Por Gabriel Caetano

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2444 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *