Thompson marca, Santinha vence Gato e respira no Candangão

No ritmo dos duelos remarcados no Candangão 2018, Santa Maria e Ceilândia abriram a quarta-feira de futebol na capital do Brasil. No estádio Bezerrão, na tarde dessa quarta-feira, as duas equipes fizeram até uma equilibrada partida, mas quem acabou levando a melhor foi a Águia do Cerrado, que com gol de Thompson, superou os adversários, conquistou a primeira vitória no campeonato e continua vivo na luta para não cair.

Com as atenções dos times que também lutam contra o rebaixamento ao lado do Santa Maria, a partida iniciou como esperado, com maior posse de bola do Gato Preto, jogadas ofensivas e ataques pelos lados para o lado preto e branco. Porém, o primeiro lance real de perigo foi aos 11 minutos a favor da Águia do Cerrado, quando Reis recebeu a bola pelo lado esquerdo e bateu forte em direção ao gol. A bola desviou na defesa e saiu pela linha de fundo.

Apesar do susto, o Ceilândia voltou ao controle da partida e dez minutos depois quase marcou o primeiro gol, em jogada iniciada por Formiga pela esquerda. O atacante dominou a bola e cruzou rasteiro para Elivelto errar o gol embaixo das traves. Continuando a pressão, o Gato continuou no ataque e mais uma vez quase marcou com Wallace, que recebeu a bola na intermediária e bateu forte rasteiro para grande defesa de Abraão, que desviou a bola, consequentemente batendo na trave, antes de sair pela linha de fundo. Apesar dos lances perigosos, o primeiro tempo acabou encerrando em 0 a 0.

Na segunda etapa, os dois times voltaram na mesma formação tática e sem alterações. Diferente do primeiro tempo, quem começou na pressão foi o Santa Maria, que na primeira chegada de perigo, abriu o placar com Thompson, aos dois minutos. O meio campista da Águia recebeu dentro da área e bateu forte cruzado, fazendo 1 a 0 no Bezerrão.

A vantagem deixou o Santa Maria acordado dentro de campo, principalmente na luta para conter os ataques adversários. Porém, o ritmo de jogo do Gato Preto acabou diminuindo, obrigando o treinador Adelson de Almeida fazer substituições. O tempo passava e o Ceilândia quase empatou partida com Fagner, que cabeceou dentro da área e a bola passou próximo a trave de Abraão.

Na reta final da partida, o jogo ficou truncado e faltoso. Enquanto o Santa Maria tentava livrar a pressão do Ceilândia com chutões, o Ceilândia parava os ataques da Águia através de falta, assim não gerando mais nenhum lance de perigo na partida. Apesar das alterações, Cauê ainda, aos 43 minutos mandou uma bola na trave quase empatando a parida, mas por fim, acabou sendo concretizada a primeira vitória do Santa Maria no campeonato.

Com a vitória, o Santinha respira na luta contra o rebaixamento na última rodada. Mesmo na lanterna, com 10 jogos disputados, a Águia tem cinco pontos conquistados, igualado ao Samambaia e com um ponto a menos que o Paranoá, primeiro time fora da zona. Já o Ceilândia, com a derrota, perdeu a oportunidade de assumir a liderança e continua com os mesmos 19 pontos na terceira colocação.

Antes da última rodada contra o Brasiliense, o Ceilândia ainda cumpre mais um jogo atrasado, contra o Brasiliense, em duelo válido pela sexta rodada, no próximo domingo (11), às 15h30, no estádio Abadião. Já o Santa Maria, enfrentará o Bolamense, na próxima quarta-feira (14), às 15h30, no estádio Serra do Lago, em Luziânia.

FICHA TÉCNICA 

SANTA MARIA 1 X 0 CEILÂNDIA

Campeonato Candango 2018 – 5ª rodada (adiada)

Estádio Bezerrão, 07/03/2018, 15:30h

Público: 53 pagantes

Renda: R$ 350,00

Árbitro: Almir Camargo

A1: Lucas Modesto

A2: Mizael Quintino

4º árbitro: Maguielson Lima

Inspetor: Raimundo Lopo

SANTA MARIA

Abraão, Amaral, Edinho (Manu), Gil e Jonathan; Trindade e Reis (Romário), Thompson e Fernando Veiga (Taboca); Júnior Bala e Juninho.

Técnico: Vandinho.

Gol: Thompson (2′ – 2T)

Cartões amarelos: Thompson, Trindade, Juninho e Amaral.

Cartões vermelhos: não houve.

CEILÂNDIA

Fernando, Júlio Ferrari, Fagner, Cauê e Kabrine (Ronan); Kasado (Adriano), Emerson Martins, Gago e Elivelto; Formiga e Wallace (Matheus).

Técnico: Adelson de Almeida.

Cartões amarelos: não houve.

Cartões vermelhos: não houve.

Por Lucas Bolzan

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 3046 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *