Gato Preto supera Onça jogando em casa

Na tarde deste domingo (18), o Ceilândia, jogando como visitante no estádio Abadião, enfrentou o Bolamense em busca de mais três pontos na competição. Apesar do jogo bastante disputado dentro de campo e com muitas investidas do adversário, o Gato Preto, no início da partida, acabou tomando um susto com um gol contra de Cocada. Mas depois, com gols de Elivelto e Allan Delon, cravaram a virada e a vaga no G-4 do Candangão 2018.

Com muita velocidade e disposição, as duas equipes criavam muitos lances de ataque no início da partida, principalmente pelos lados. Apesar das forças ofensivas, as duas equipes não criavam muitas ações para chegar ao gol. Porém, o primeiro lance de perigo veio logo com o gol do Bolamense aos 24 minutos. Após batida de cabeça da zaga do Ceilândia, Cocada acabou mandando a bola contra o próprio patrimônio, fazendo a Onça-Pintada abrir o placar.

O gol não assustou o Ceilândia que, cadenciando o jogo, encontrava espaços para poder empatar a partida. As investidas insistentes acabaram dando resultado, quando Wallace recebeu a bola na linha de fundo e foi derrubado, fazendo o árbitro marcar a penalidade, aos 33 minutos. Na cobrança, Elivelto assumiu a responsabilidade, bateu forte e empatou o jogo no Abadião.

Com o empate, o Ceilândia continuou no mesmo ritmo até conseguir a virada, que veio logo em seguida, através de bola parada novamente. Em cobrança de falta bem colocada, Allan Delon bateu com categoria no meio da barreira adversária, sem chances para o goleiro Yuri, dando números finais ao primeiro tempo.

Veio o segundo tempo e o Bolamense voltou com mais força ofensiva, chegando ao gol do goleiro Wendell, mas com poucas finalizações. Com o passar do tempo, o Gato buscava controlar a vantagem, aproveitando os contra-ataques e finalizando ao gol, dando trabalho ao arqueiro adversário. Na reta final da partida o jogo foi perdendo força e pouco as equipes criavam. Melhor para o Ceilândia, que garantiu a terceira vitória no campeonato, com dois jogos a menos que a maioria dos adversários.

Com a vitória o time alvinegro chegou a 10 pontos, superando o Brasiliense e assumindo a quarta colocação. Já o Bolamense, com apenas duas vitórias no campeonato, continua na oitava colocação, ainda mantendo as chances de classificação para a próxima fase da competição local.

Agora as duas equipes voltam a campo apenas no meio semana, para disputar jogos atrasados. Enquanto o Ceilândia recebe o Paranoá no estádio Abadião, quarta-feira (21), às 15h30, em jogo válido pela primeira rodada, o Bolamense encara o Brasiliense, no mesmo dia, às 16 horas, no Mané Garrincha, pela terceira rodada.

FICHA TÉCNICA

CEILÂNDIA 2 X 1 BOLAMENSE

Campeonato Candango 2018 – 7ª rodada

Estádio Abadião, 18/02/2018, 15h30

Árbitro: Anderson Bassoto

A1: Muller Aniceto

A2: Milton Alves

4º árbitro: Gutembergsom Almeida

Inspetor: Marrubson Freitas

CEILÂNDIA

Wendell, Dudu Lopes, Cauê, Cocada e Elivelto; Didão Emerson Martins, Allan Dellon (Alcione) e Gago; Vavá e Wallace (Ronan).

Técnico: Adelson de Almeida

Gols: Elivelto (33′ 1T – pênalti) e Alan Dellon (34′ 1T).

Cartões Amarelos: Didão e Emerson Martins

Cartão vermelho: Não Houve

BOLAMENSE

Yuri, Rato, Alan, Higo e Sid (Willian Amendoim); Werick, Mailson, Bigu Braz e Pedrinho; Lucas (Everton) e Wellington.

Técnico: Luiz Henrique

Gols: Cocada (contra) (24′ 1T).

Cartões Amarelos: Rato

Cartão vermelho: Não Houve

Por Lucas Bolzan

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2444 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *