Bolamense desbanca Gama e vence no Bezerrão

O que poucas pessoas esperavam, aconteceu! O badalado time do Gama, que contava com o pentacampeão Lúcio na zaga, perdeu seu jogo de estreia diante do Bolamense em pleno estádio Bezerrão. Com gols de Wesley Bigu e Maiqui Rio, o caçula do Campeonato Candango somou seus primeiros três pontos e instaurou um início de crise no Periquito. Fernandinho descontou para o time da casa.

O Gama, comandado pelo técnico Carlos Alberto Dias, foi surpreendido com a postura tática do Bolamense. Ao invés de se fechar na defesa, a Onça Pintada encontrou o ponto de equilíbrio entre ataque e defesa e achou espaços na zaga gamense. O jogo começou a se desenhar com apenas quatro minutos de jogo, quando William Amendoim fez ótima jogada pela direita, passou pela marcação de Murilo e cruzou rasteiro para a área. A marcação falhou e a bola sobrou limpa para Wesley Bigu, que mesmo atrapalhado, dominou a bola e chutou para as redes do gol defendido por Victor Brasil, 1 x 0.

O resultado abalou a autoconfiança do elenco gamense, que buscou a reação de forma desordenada. Os únicos lances de perigo saíam dos pés do meia Fábio Gama, principal articulador de jogadas do alviverde. E foi por meio dos seus pés que o Gama chegou ao gol de empate. Aos 26 minutos, após jogada de linha de fundo, o baixinho tocou rasteiro na medida para Fernandinho chegar em velocidade e escorar para o fundo das redes. Assim terminou o primeiro tempo.

Ambas as equipes voltaram com a mesma formação para o tempo complementar, mas o Gama retornou um pouco mais ofensivo, com a entrada de Gleicinho no lugar de Tarta. O clube até criou algumas oportunidades. Porém, sem ameaçar a meta defendida pelo goleiro Tadeu, único goleiro de ofício do elenco do Bolamense, pois não havia outro no banco de reservas.  E se o empate já era um resultado ruim para o Gama, as coisas ficaram muito piores aos 27 minutos. Maiqui Rio bateu falta direto para o gol e surpreendeu Victor Brasil. A bola foi morrer no canto esquerdo da meta do arqueiro gamense.

A partir deste momento a torcida perdeu de vez a paciência com Victor Brasil, que era vaiado em todos os momentos que pegava na bola. O Bolamense, que não tinha nada com isso, quase amplia aos 42 minutos de bola rolando, quando o zagueiro Allan se aventurou no ataque e, após tabela com Johnny Bermudez, o defensor tocou para a área, mas não havia ninguém de azul para concluir a gol. Depois foi só segurar a posse de bola para o Bolamense comemorar a vitória.

Após o jogo, a principal torcida organizada do Gama se reuniu na saída do estádio para protestar pelo mau futebol apresentado. Já o Bolamense foi aplaudido pela torcida alviverde na saída para os vestiários. Na próxima rodada o Periquito enfrentará o Formosa-GO, no estádio Diogão, domingo (28), às 17 horas. Enquanto isso o Bolamense recebe o Sobradinho, provavelmente no Serejão (vide tabela oficial da FFDF), no mesmo dia e horário.

FICHA TÉCNICA

GAMA 1 x 2 BOLAMENSE

Campeonato Candango 2018 – 1ª rodada

Estádio Bezerrão, 21/01/2018, 17h

Público: 1.724 pagantes

Renda: R$ 21.630,00

Árbitro: Rodrigo Raposo

A1: Kleber Alves

A2: Renato Gomes

4º árbitro: Maguielson Lima

GAMA

Victor Brasil; Murilo, Lúcio (Felipe Marcelino), Jacó e Rafinha; Judvan, Tarta (Gleicinho), Róbston e Fábio Gama; David Dener (Diego) e Fernandinho.

Técnico: Carlos Alberto Dias

Gols: Fernandinho (26′ – 1º T)

Cartões amarelos: Judvan e Robston

BOLAMENSE

Tadeu; Dreyvisson, Allan, Higo (Paulo) e Sidney; Werick, Feijão (Johnny Bermudez), Zé Augusto e Wesley Bigu; William Amendoim e Maiqui Rio.

Técnico: Marquinhos Carioca

Gols: Wesley Bigu (4′ – 1T) e Maiqui Rio (27′ – 2T)

Cartões amarelos: Higo

Por Marcelo Gonçalo

 

Marcelo Gonçalo

Formado em Sistemas de Informação, optou pela carreira de Jornalismo a partir de 2008. Jornalista, comentarista e narrador esportivo, foi o principal repórter do site BloGama até 2018.

Marcelo Gonçalo tem 2524 posts e contando. Ver todos os posts de Marcelo Gonçalo

Avatar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *